COMUNIQUE

Seja Bem vindo! Nossa meta é anunciar Boas Novas! Léo Lima
Precisamos decidir em como ser valiosos, em vez de pensar o quão valiosos somos. Filosofia chinesa

Aflições vindas das Mãos Soberana São bênçãos disfarçadas! (Adam Clarke)

sábado, 1 de abril de 2017

JUSTIÇA VERDADEIRA

Justo és, ó Senhor, e retos são os teus juízos. Os teus testemunhos, que ordenaste, são retos e muito fiéis. O meu zelo me consumiu, porque os meus inimigos se esqueceram da tua palavra. A tua palavra é muito pura; por isso, o teu servo a ama. Pequeno sou e desprezado, mas não me esqueço dos teus mandamentos. A tua justiça é uma justiça eterna, e a tua lei é a verdade. Aperto e angústia se apoderam de mim; não obstante, os teus mandamentos são o meu prazer. A justiça dos teus testemunhos é eterna; dá-me inteligência, e viverei”. (Salmo 119.137-144).
Maravilhoso Deus! A justiça a ti pertence. São retos os teus preceitos e fazem com que sejamos justificados pelo teu amor. Também os teus estatutos, todos os que ordenastes, são fiéis e retos diante dos teus filhos. Como é tranquilizador andar neles.
O meu cuidado com a tua palavra me mortifica, porque muitos daqueles que conheço se esqueceram da tua lei. Ela é pura, mais pura do que podemos imaginar na nossa limitação e convivência com o pecado. Este é mais um dos motivos porque a amo. Esta pureza que adentra meu ser.
Sei que sou pequena e tantas vezes ignorada por muitos, entretanto não posso e não quero me esquecer dos teus mandamentos. Eterna é a tua justiça e a tua lei é o que de mais precioso temos. Ela é verdadeira.
Muitas vezes sinto-me cercada pela angústia que me visita e junto vem um aperto no peito, mas ainda assim, meu deleite está na tua palavra. Preciso de inteligência para compreender toda a justiça que compõe a tua palavra. Só assim viverei a paz que vem de ti!

Léo Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário