COMUNIQUE

Seja Bem vindo! Nossa meta é anunciar Boas Novas! Léo Lima
Precisamos decidir em como ser valiosos, em vez de pensar o quão valiosos somos. Filosofia chinesa

Aflições vindas das Mãos Soberana São bênçãos disfarçadas! (Adam Clarke)

quinta-feira, 30 de junho de 2016

BUSCANDO APERFEIÇOAMENTO

É melhor ouvir a repreensão de um sábio do que escutar elogios de um tolo. A risada dos tolos é como os estalos de espinhos no fogo – não quer dizer nada. Quando o sábio usa a violência, ele se torna tolo. Quem aceita suborno estraga o seu caráter”. (Eclesiastes 7.5-7).
De acordo com Salomão certas situações mostram o que uma pessoa é. Como ouvir um tolo sorrindo não significa nada. Outra coisa é quando o sábio se torna violento ele se torna um tolo. Mas, quem aceita ser corrompido mancha seu caráter. Então a reflexão desta feita é sobre uma pessoa deixar-se corromper.
São pequenas coisas que iniciam este processo. Talvez estejamos cometendo o erro de nos corrompermos com algo que o mundo acha natural, afinal, todas as pessoas dão ‘um jeitinho brasileiro’ fazendo algo que o Senhor não aprovaria. Vale lembrar de Jesus falando sobre o reter para nós o que não é nosso: Então Jesus disse: – Deem ao Imperador o que é do Imperador e deem a Deus o que é de Deus’. (Lucas 20.25).
Como trabalhar para manter um caráter digno pode ser não andarmos seguindo os conselhos daqueles que vivem distantes de Deus. Paulo disse aos crentes de Corinto que más companhias estragam as boas atitudes. ‘Não se enganem: As más companhias estragam os bons costumes’. (I Coríntios 15.33). Portanto, se seguirmos os passos do Senhor Jesus seremos pessoas que caminham em busca do aperfeiçoamento com o Senhor.
Léo Lima

quarta-feira, 29 de junho de 2016

UM BOM NOME

O nome limpo vale mais do que o perfume mais caro; e o dia da morte é melhor do que o dia do nascimento. É melhor ir a uma casa onde há luto do que ir a uma casa onde há festa, pois onde há luto lembramos que um dia também vamos morrer. E os vivos nunca devem esquecer isso. A tristeza é melhor do que o riso; pois a tristeza faz o rosto ficar abatido, mas torna o coração compreensivo. Quem só pensa em se divertir é tolo; quem é sábio pensa também na morte”. (Eclesiastes 7.1-4).
Quando Salomão faz referência à morte dizendo que é melhor estar em uma casa onde há luto, ele demonstra que a reflexão sobre como a vida passa ligeiro é uma necessidade. Diante da morte ficamos cônscios da brevidade da vida. O semblante de uma pessoa diante da morte é sério e triste, e tudo que ela pensa é que pode melhorar sua forma de viver.
Entretanto, antes de fazer esta reflexão ele aponta para o valor de se ter um bom nome. Para construir um bom nome é necessário que façamos conforme o sábio diz: ‘A integridade dos retos os guia; mas, aos pérfidos, a sua mesma falsidade os destrói’. (Provérbios 11.3). Portanto, é necessário buscarmos viver de tal forma que sejamos vistos como pessoas íntegras.
Nosso pensamento deve ser desenvolvido de tal forma que sejamos sábios e não devemos permitir frivolidade residindo nele. O conselho do apóstolo Paulo para o jovem Timóteo foi de que ele deveria dar bom testemunho. ‘Pelo contrário, é necessário que ele tenha bom testemunho dos de fora, a fim de não cair no opróbrio e no laço do diabo’. (I Timóteo 3.7).
Léo Lima

terça-feira, 28 de junho de 2016

VIVENDO A SALVAÇÃO

Tudo o que se passa neste mundo já foi resolvido há muito tempo. Antes de uma pessoa nascer, já está decidido o que vai acontecer com ela. E nós sabemos que não podemos discutir com quem é mais forte do que a gente. Uma coisa é certa: quanto mais falamos, mais tolices dizemos; e não ganhamos nada com isso. De fato, como é que podemos saber o que é melhor para nós nesta vida de ilusões, vida que passa como uma sombra? Como podemos saber o que vai acontecer na terra depois da nossa morte”? (Eclesiastes 6.10-12).
Esta reflexão de Salomão pode ser entendida através do salmo: ‘Tu criaste cada parte do meu corpo; tu me formaste na barriga da minha mãe. Eu te louvo porque deves ser temido. Tudo o que fazes é maravilhoso, e eu sei disso muito bem. Tu viste quando os meus ossos estavam sendo feitos, quando eu estava sendo formado na barriga da minha mãe, crescendo ali em segredo, tu me viste antes de eu ter nascido. Os dias que me deste para viver foram todos escritos no teu livro quando ainda nenhum deles existia. Ó Deus, como é difícil entender os teus pensamentos! E eles são tantos! Se eu os contasse, seriam mais do que os grãos de areia. Quando acordo, ainda estou contigo. Ó Deus, como eu gostaria que tu acabasses com os maus! Gostaria que os homens violentos me deixassem em paz! Eles falam mal de ti; contra ti falam coisas ruins. Ó Senhor Deus, como odeio os que te odeiam! Como desprezo os que são contra ti! Eu os odeio com todas as minhas forças; eles são meus inimigos. Ó Deus, examina-me e conhece o meu coração! Prova-me e conhece os meus pensamentos. Vê se há em mim algum pecado e guia-me pelo caminho eterno’. (Salmo 139.13-24).
Paulo nos mostra sua compreensão dos mistérios de Deus e nós devemos saber como fazer para que outros os conheçam também. ‘Essa mensagem é o segredo que ele escondeu de toda a humanidade durante os séculos passados, porém que agora ele revelou ao seu povo. O plano de Deus é fazer com que o seu povo conheça esse maravilhoso e glorioso segredo que ele tem para revelar a todos os povos. E o segredo é este: Cristo está em vocês, o que lhes dá a firme esperança de que vocês tomarão parte na glória de Deus’. (Colossenses 1.26-27).
Aquilo que nos é oculto devemos esperar para que no grande Dia do Senhor nos seja revelado e, enquanto não acontece nossa missão é viver e anunciar a salvação que Jesus Cristo nos ofereceu através dos eu sacrifício na cruz do calvário.
Léo Lima

segunda-feira, 27 de junho de 2016

SATISFAÇÃO NO SENHOR



Todos trabalham duro para ter o que comer, mas nunca ficam satisfeitos. Que vantagem tem o sábio sobre o tolo? Que vantagem tem o pobre em saber enfrentar a vida? Isso também é ilusão, é correr atrás do vento. É muito melhor ficar satisfeito com o que se tem do que estar sempre querendo mais”. (Eclesiastes 6.7-9).
Quando Salomão diz que é bem melhor ficar contente com o que se tem do que sempre querer mais, mostra que existe insatisfação em todas as situações. Paulo ensina o segredo do bem viver: ‘Não estou dizendo isso por me sentir abandonado, pois aprendi a estar satisfeito com o que tenho. Sei o que é estar necessitado e sei também o que é ter mais do que é preciso. Aprendi o segredo de me sentir contente em todo lugar e em qualquer situação, quer esteja alimentado ou com fome, quer tenha muito ou tenha pouco’. (Filipenses 4.11-12).
Ele ainda mostra aos cristãos de Corinto que passamos por aflições, pois Jesus não prometeu uma vida sem dificuldades, mas a vida eterna. ‘E essa pequena e passageira aflição que sofremos vai nos trazer uma glória enorme e eterna, muito maior do que o sofrimento. Porque nós não prestamos atenção nas coisas que se veem, mas nas que não se veem. Pois o que pode ser visto dura apenas um pouco, mas o que não pode ser visto dura para sempre’. (II Coríntios 4.17-18).
Jesus disse: ‘Eu digo isso para que, por estarem unidos comigo, vocês tenham paz. No mundo vocês vão sofrer; mas tenham coragem. Eu venci o mundo’.  (João 16.33). É esta vitória de Jesus que nos motiva a considerar as palavras do apóstolo Paulo: ‘Portanto, se temos comida e roupas, fiquemos contentes com isso’. (I Timóteo 6-8). O conselho de Paulo é que o sentimento de satisfação é o que deve ser cultivado em nós.
Léo Lima

domingo, 26 de junho de 2016

VIDA GARANTIDA



Também tenho visto outra coisa muito triste que acontece neste mundo: Deus dá a alguns tudo o que desejam – riquezas, propriedades e fama. Porém depois não deixa que eles aproveitem nada disso. E é algum estranho quem aproveita, e não ele. Isso também é ilusão e não está certo. Que adianta um homem viver muitos anos e ter cem filhos se não aproveitar as coisas boas da vida e não tiver um enterro decente? Eu digo que uma criança que nasce morta tem mais sorte do que ele. É inútil a vinda dessa criança; ela desaparece na escuridão, onde é esquecida. Não chega a ver a luz do dia, nem a saber como é a vida. Mas pelo menos encontra mais descanso do que aquele homem, que poderia ter vivido dois mil anos sem nunca ter aproveitado a vida. E, no fim, não vamos todos para o mesmo lugar”? (Eclesiastes 6.1-6).
Salomão neste texto mostra profunda tristeza por ver que não adianta nem riquezas, nem fama ou outra forma de bens que se adquire nesta vida. Relembra ainda que tudo que temos é dádiva de Deus. O salmista enaltece a Deus e mostra que mesmo não sendo nada diante do Senhor, Deus ainda se importa com ele e se preocupa com cada um dos seus filhos. ‘Que é um simples ser humano para que penses nele? Que é um ser mortal para que te preocupes com ele’? (Salmo 8.4).
O escritor da carta aos Hebreus menciona que somos mortais e que a morte será uma só, depois cada um deve ser julgado por Deus. ‘Cada pessoa tem de morrer uma vez só e depois ser julgada por Deus’. (Hebreus 9.27). Isto não depende de sermos bons, mas haverá um julgamento que separará os salvos conforme disse Jesus.
Então Jesus afirmou: – Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que morra, viverá; e quem vive e crê em mim nunca morrerá’. (João 11.25-26a). Se conhecermos o Senhor e aceitarmos seu sacrifício viveremos na eternidade com Ele. ‘Na casa do meu Pai há muitos quartos, e eu vou preparar um lugar para vocês. Se não fosse assim, eu já lhes teria dito. E, depois que eu for e preparar um lugar para vocês, voltarei e os levarei comigo para que onde eu estiver vocês estejam também’. (João 14.2-3).
Léo Lima

sábado, 25 de junho de 2016

CONVITE À ADORAÇÃO

Então cheguei a esta conclusão: a melhor coisa que uma pessoa pode fazer durante a curta vida que Deus lhe deu é comer e beber e aproveitar bem o que ganhou com o seu trabalho. Essa é a parte que cabe a cada um. Se Deus der a você riquezas e propriedades e deixar que as aproveite, fique contente com o que recebeu e com o seu trabalho. Isso é um presente de Deus. E você não sentirá o tempo passar, pois Deus encherá o seu coração de alegria”. (Eclesiastes 5.18-20).
Se Deus der a você riquezas e propriedades e deixar que as aproveite, fique contente com o que recebeu e com o seu trabalho. Isso é um presente de Deus.’. A gratidão é a atitude mais louvável em um ser humano. A alegria por todas as coisas que Deus nos dá deve ser uma consequência natural a cada dia.
O salmista mostra como é bom dar graças a Deus por todos os benefícios recebidos. ‘Ó Senhor Deus, como é bom dar-te graças! Como é bom cantar hinos em tua honra, ó Altíssimo! Como é bom anunciar de manhã o teu amor e de noite, a tua fidelidade(Salmo 92.1-2).
Nosso convite neste dia é que louvemos e adoremos ao Senhor que nos dá a vida. ‘Ó Senhor Deus, que todo o meu ser te louve! Que eu louve o Santo Deus com todas as minhas forças! Que todo o meu ser louve o Senhor, e que eu não esqueça nenhuma das suas bênçãos’! (Salmo 103.1-2).

Léo Lima

sexta-feira, 24 de junho de 2016

OLHANDO PARA O ALTO

Eu tenho visto neste mundo esta coisa triste: algumas pessoas economizam dinheiro e sofrem com isso. Perdem tudo num mau negócio e assim não deixam nada para os filhos. Como entramos neste mundo, assim também saímos, isto é, sem nada. Apesar de todo o nosso trabalho, não podemos levar nada desta vida. Isso também é muito triste! Nós vamos embora deste mundo do mesmo jeito que viemos. Trabalhamos tanto, tentando pegar o vento, e o que é que ganhamos com isso? O que ganhamos é passar a vida na escuridão e na tristeza, preocupados, doentes e amargurados”. (Eclesiastes 5.13-17).

Onde está o teu tesouro aí estará o teu coração’. Estas palavras de Jesus foram proferidas durante o sermão do monte. Desde muito cedo temos preocupações de como vamos fazer na vida para construir nossa própria vida. Se nossa inquietação é para construção de uma vida sólida então estamos tentando fazer o que é melhor.
Entretanto, se nosso foco for somente adquirir bens sem limites é bom lembrar o conselho que Jesus deixou-nos: ‘Não ajuntem riquezas aqui na terra, onde as traças e a ferrugem destroem, e onde os ladrões arrombam e roubam. Pelo contrário, ajuntem riquezas no céu, onde as traças e a ferrugem não podem destruí-las, e os ladrões não podem arrombar e roubá-las. Pois onde estiverem as suas riquezas, aí estará o coração de vocês’. (Mateus 6.19—21).
Que possamos ter metas especiais sem nos esquecermos que o principal foco deve ser o de plantarmos uma vida sólida controlada pelo Espírito de Deus. Que nossos sonhos estejam direcionados para algo maior e lembrando de que: ‘Como entramos neste mundo, assim também saímos, isto é, sem nada’. Portanto, devemos seguir olhando para Jesus autor e consumador da nossa fé.
Léo Lima

quinta-feira, 23 de junho de 2016

ALEGRIA NO AMOR



Quem ama o dinheiro nunca ficará satisfeito; quem tem a ambição de ficar rico nunca terá tudo o que quer. Isso também é ilusão. Quanto mais rica é a pessoa, mais bocas tem para alimentar. E o que ela ganha com isso é apenas saber que é rica. O trabalhador pode ter pouco ou muito para comer, mas pelo menos dorme bem à noite. Porém o rico se preocupa tanto com as coisas que possui, que nem consegue dormir”. (Eclesiastes 5.10-12).
Qual é o maior motivo do seu amor? Deus? Você? Sua mulher? Seu filho? Seus bens? O que faz você perder o sono? Salomão diz que a pessoa rica se preocupa tanto com seus bens que ‘nem consegue dormir’.
Jesus disse que: ‘Não ajuntem riquezas aqui na terra, onde as traças e a ferrugem destroem, e onde os ladrões arrombam e roubam. Pelo contrário, ajuntem riquezas no céu, onde as traças e a ferrugem não podem destruí-las, e os ladrões não podem arrombar e roubá-las. Pois onde estiverem as suas riquezas, aí estará o coração de vocês’. (Mateus 6.19-21).
O que podemos refletir é que nosso coração/preocupação está naquilo que mais amamos e que passamos a confiar. ‘Aquele que confia nas suas riquezas cairá, porém os honestos prosperarão como as folhagens’. (Provérbios 11.28). Entretanto, se buscarmos viver conforme o salmista disse que sua alegria estava na Palavra de Deus, seremos felizes junto a todos que amamos. ‘Fico mais alegre em seguir os teus mandamentos do que em ser muito rico’. (Salmo 119.14).
Léo Lima

quarta-feira, 22 de junho de 2016

COM JUSTIÇA E VERDADE



Não fique admirado quando você notar em algum lugar o governo fazendo injustiça, perseguindo os pobres e negando os direitos deles. Pois cada autoridade é protegida pela que está acima dela, e as duas são acobertadas pelas autoridades superiores. Elas dizem: ‘Toda gente tira proveito da terra, mas o rei depende daquilo que recebe das colheitas’.” (Eclesiastes 5.8-9).
A justiça é um bem precioso que todo ser humano deveria usufruir. Entretanto, ela nem sempre é feita para todas as pessoas. Na Palavra de Deus ela é tratada como um bem precioso. Desde que o pecado instalou-se no ser humano a injustiça apoderou-se dele e, mesmo que Deus orientasse os homens eles nos seus julgamentos eram injustos.
Foi o Senhor quem mostrou como deveria ser o modo de vida entre todos, pois Ele instituiu os pesos e as medidas para que a justiça fosse praticada. ‘O Senhor fez os pesos e as medidas; por isso quer que sejam usados com honestidade’. (Provérbios 16.11). Ainda assim sempre acontecia dos mais fortes tirar proveito dos mais fracos.
Jesus ensinou que para uma pessoa ser feliz e satisfeita ela deveria praticar a justiça. ‘Felizes as pessoas que têm fome e sede de fazer a vontade de Deus, pois ele as deixará completamente satisfeitas’. (Mateus 5.6). Portanto, se na nossa vida olharmos com amor e agirmos com verdade e justiça seremos felizes e satisfeitos.
Léo Lima