COMUNIQUE

Seja Bem vindo! Nossa meta é anunciar Boas Novas! Léo Lima
Precisamos decidir em como ser valiosos, em vez de pensar o quão valiosos somos. Filosofia chinesa

Aflições vindas das Mãos Soberana São bênçãos disfarçadas! (Adam Clarke)

quinta-feira, 31 de maio de 2012

NADA FALTARÁ...

"Se vocês adorarem a mim, o Eterno, o seu Deus, eu os abençoarei, dando-lhes comida e água, e tirarei de vocês todas as doenças." (Êxodo 23.24).

Duas necessidades básicas o ser humano enfrenta diariamente. A fome e a sede. Estas carências, quando não supridas, provocam insatisfação e doença. A fome e a sede podem levar à desnutrição e consequentemente até à morte. E isto é uma das coisas mais difíceis de serem contornadas. De serem aceitas. Não é bom estar doente! A morte provoca tristezas.

No texto, o Senhor promete bênçãos inúmeras aos que o adoram. Como as crianças gostamos de promessas. Só que para elas, muitas vezes, deixamos de cumprí-las. Mas o Deus que nos promete é aquele que não falha. Como as crianças, gostamos de aguardar e com ansiedade, que as promessas sejam cumpridas. Entretanto, na promessa de Deus existe uma condição para que isso ocorra: "Se vocês me adorarem" como esta promessa é fácil para se tornar uma realidade. Primeiro, porque quem promete é um Deus que, acima de todas as coisas, é Verdade, e tudo que Ele fala, cumpre! Segundo, é muito fácil o que Ele solicita de nós: adoração. Esta é uma atitude fácil, só que tem que ser com pureza e sinceridade de coração!

A promessa é de bênçãos imedidas. Incontáveis. A todos que servem com alegria, amor, e sinceridade aos que assim fazem o Senhor dará um viver pleno de seu amor!

Quem já vive usufruindo o privilégio de servir ao Senhor pode compreender e sabe como é bom depender desta água e deste pão que não faltam nunca aos que esperam no Senhor. Mas, a maior bênção é poder sentir estes milagres presentes.

Compartilho uma experiência que vivi: Há poucos dias senti no ar um delicioso cheiro de pizza que vinha de perto. Senti vontade de comer uma, mas nada havia para fazê-la. Dez minutos depois a campanhia da porta tocou e uma bandeja com uma pizza quentinha estava ante meus olhos incrédulos, "esta é para a senhora que a mamãe mandou!" não era a vizinha, mas alguém que veio de longe! Só consegui dizer: Obrigada! Obrigada Senhor porque em um momento, e tão rápido vi que respondes, mesmo quando o nosso pedido é inaudível. É desta e de outras maneiras que Ele nos dá o que promete!

Você também pode usufruir!
Léo Lima

quarta-feira, 30 de maio de 2012

BÊNÇÃOS!!!

"E ele abençoa-os, de modo que se multiplicam muito; e o seu gado não diminue." (Salmo 107.38).

Estamos contando as bênçãos que são indizíveis! A cada passo que damos podemos ver como somos ingratos pois não percebemos as grandiosas obras do Senhor para conosco a cada momento!

Somos humanos portanto, falhos! Vivemos indiferentes, quase irresponsáveis às vezes. Somente desfrutamos da paz e a tranquilidade que Deus nos dá. A nossa atitude, até egoísta, nos leva a deixarmos de mostrar a muitas pessoas que precisam de Deus o infinito amor que Ele nos outorga e que nos dá tanta alegria. É preciso nos colocarmos ante a cena da cruz de Cristo, e procurar nela as bênçãos que desfrutamos como resultado do doloroso sacrifício de Jesus Cristo.

No texto temos: "Ele os abençoa, de sorte que se multiplicam muito", as bênçãos de Deus se multiplicam em nossas vidas e nem sempre nós as percebemos. Elas vêm até quando não estamos tão atentos. É resultado do amor divino.

Como está sendo a alegria na sua vida? Temos um Deus que converte o deserto em lagos e a terra seca em nascentes. v. 33. É este o Deus que olha a todo instante para os seus e os guarda. Na verdade Ele multiplica o pouco que possuímos e não nos deixa faltar do que necessitamos!

Precisamos continuar contando as bênçãos que se multiplicam. Elas vêm das mãos do Senhor. Basta para isso viveremos a alegria, pois elas serão vistas através da nossa fé, que é resultado de nossa comunhão com o Senhor!

Nosso Deus deseja abençoar a sua vida.
Que o Senhor te abençoe, te guarde e te dê a PAZ!
Léo Lima

terça-feira, 29 de maio de 2012

COMO O SOL

Quando o sol aparece as velas desaparecem". Esta frase ouvi de um grande professor. Hoje, ao me recordar essa expressão, meu coração ficou exaltado apesar da saudade que sentia. Não pude deixar de pensar na beleza da frase.
Quando o dia amanhce com o sol encoberto por nuvens já ao amanhecer ele se insinua triste. Podem os pássaros estar cantando, e eles cantam não importa como esteja o dia! É bastante nostálgico viver uma manhã nublada...

Nós vivemos em um mundo onde a tecnologia tomou conta de tudo, até as velas foram substituídas por lâmpadas de intensa luminosidade.

Há alguns dias acordei antes de o sol se mostrar e vi que a lâmpada do poste ainda estava acesa. Ela acende e apaga de acordo com o sol. É um processo automático. Quando o sol se põe ao anoitecer ela inicia a sua jornada iluminando tudo ao ser redor. Logo que o sol desponta no horizonte ela, automaticamente, se apaga. É bom ver esse acontecimento. Ao se mostrar, o astro rei, passa a reinar soberano. E como a sua luminosidade é perfeita!

Estamos vivendo uma época em que as coisas estão acontecendo de forma assustadora e a maldade entre as pessoas parece estar cada vez maior. A preocupação com o próximo é coisa rara. Jesus que é a "Luz do mundo" disse que estas coisas aconteceriam quando estivéssemos perto do fim. Portanto, o fim se aproxima e precisamos pensar em como estamos vivendo estes momentos.

Gosto de pensar em um versículo do livro profético do Novo Testamento em que está escrito sobre a nova Jerusalém: "A cidade não necessita nem do sol, nem da lua, para que nela resplandeçam, porém a glória de Deus a tem alumiado, e o Cordeiro é a sua lâmpada. As nações andarão à sua luz; e os reis da terra trarão para ela a sua glória." (Apocalipse 21.23,24). Diante de um quadro como este é possível pensar que todos, desde o início da criação, todos se prostrarão diante do Cordeiro que tem Luz própria. O dia da volta de Cristo será de extrema alegria para todos os que conhecem Jesus e a sua luz.

Dá inclusive para recordar de um cântico que fala sobre "o Rei está voltando". Ele pode voltar a qualquer momento mas nós gostamos de pensar que Jesus ainda vai demorar muito.

O Senhor deseja que sejamos como a lua que reflete a luz do sol. Nós precisamos ser o reflexo de Jesus Cristo até a sua volta. Ora Vem Senhor Jesus!
Léo Lima

segunda-feira, 28 de maio de 2012

VISITA DE AMOR

"Tu visitas a terra, e a regas; grandemente a enriqueces; o rio de Deus está cheio d’água; tu lhe dás o trigo, quando assim a tens preparado." (Salmo 65.9).
Recebemos várias visitas, entretanto, existem aquelas que são especiais. Pessoas que quando chegam só nos proporcionam alegria. É uma parte de tudo que desejamos! É uma visita gloriosa! No texto acima, vemos a referência do poeta sobre uma visita muito especial, é a visita do Criador e sustentador de todas as coisas! Precisamos ter sempre a necessidade desta sublime visita, ou mais, ter constantemente a presença de Deus em nós, em nossa casa.

É Deus quem proporciona todo bem estar necessário para harmonizar as coisas maravilhosas que Ele criou! Se hoje a natureza sofre malefícios provocados pelo homem e o progresso que devassa, Deus está atento e requer que este mesmo ser humano se conscientize, de que é ele, só ele, quem deve zelar por tudo que deverá ser-lhe útil, e mais, quem irá melhorar sua existência enquanto na terra! 

O Pai nos oferece e nos deixa servir-nos de tudo que Ele criou para nosso bem estar, basta então, que saibamos zelar por este mundo tão precioso! Ele rega a terra e a faz produzir frutos, frutos estes que irão nos proporcionar uma vida mais regalada! Para nós basta que saiamos de nós, do nosso mundo egoísta, para desfrutarmos de todas as riquezas que estão à nossa disposição desde a criação do mundo! Deus nos visita coroando-nos de bênçãos inefáveis, dando-nos tudo que necessitamos, enfim, proporcionando aquilo que nos é necessário para o nosso bem estar.

Se nos propusermos a ser almas frutíferas, produziremos boas obras em amor. Cooperar com aqueles que sofrem. São obras que não serão motivo para termos a vida eterna, pois a vida eterna nos está garantida por Cristo Jesus, entretanto, boas obras como gratidão pelas infinitas misericórdias de Deus! Aí sim, estaremos vendo desabrochar os frutos de amor, como resultado do Amor de Deus em nós. Como resultado de uma terra regada! Isto se permitirmos que o Glorioso visitante faça morada em nós! Ele deseja estar conosco a cada momento e o Senhor diz:

 "Eis que estou à porta e bato.
Se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta,
entrarei em sua casa e cearei com ele"
(Apocalipse 3,19).
Léo Lima

domingo, 27 de maio de 2012

PROMESSA ESPECIAL

"Eu afirmo a vocês que isto é verdade: quem crê em mim fará as coisas que eu faço e até maiores do que estas, pois eu vou para o meu Pai." (João 14.12).
Jesus quando esteve no mundo realizou muitos milagres, e por este motivo o número de pessoas que iam até Ele em busca de cura e outros benefícios era grande. Os seus discípulos, aqueles que o seguiam mais de perto, ficavam maravilhados com tudo que presenciavam! E, em uma das conversas com eles Jesus disse: "Na verdade, na verdade vos digo que aquele que crê em mim também fará as obras que eu faço, e as fará maiores do que estas." O ser humano tem sempre o desejo de ser o melhor. De fazer coisas grandiosas e ser reconhecido por isso. De certa forma quer testar sua capacidade como ser humano através das suas realizações. E é justamente por este motivo que muitas vezes falha.

Nestas palavras de Jesus podemos ver que Ele fazia uma promessa especial para os seus seguidores, eles poderiam realizar aquelas obras que Jesus realizava, entretanto havia uma condição para que se pudesse concretizar: 'crer', e é justamente aí que muitos de nós falhamos.

Mas esta dádiva está à disposição de cada um que aceita o perdão de Jesus. É necessário que o coração esteja totalmente limpo e que o desejo seja que este ato possa vir a glorificar o nome de Deus! Jesus oferece o poder através da fé, mas antes é preciso um coração limpo, um coração onde o amor de Deus resida totalmente. É necessário que o desejo do coração seja voltado para a glorificação do nome de Jesus. É preciso que a fé seja uma constante, e que Jesus impulsione o seu olhar para Deus. É necessário, ainda, uma comunhão constante com o Senhor!

 Volte-se para Senhor da vida é Ele quem outorga a fé necessária para uma vida de grandes realizações.
Léo Lima

sábado, 26 de maio de 2012

A fé que tens, guarda-a contigo mesmo diante de Deus. Bem-aventurado aquele que não se condena a si mesmo naquilo que aprova." (Romanos 14.22).
Em outra versão a expressão é uma interrogação: "Tens tu fé? tem-na em ti mesmo..." mas como não vamos nos deter apenas nestas palavras, podemos sim, nos valer da fé que está em nós. Nós os salvos a quem Paulo falava. Os crentes de Roma. O cristão cheio do Espírito Santo deve ter fé em suas possibilidades, pois é próprio Deus que dá. Quando estivermos cheios do poder de Deus, podemos realizar coisas que não imaginamos. E se isto ocorrer de fato, poderemos ser felizes em não condenarmos nossos atos diante de Deus. É preciso sermos sinceros em nossos pensamentos e atitudes.
O que acontece com a maioria das pessoas que estão distantes de Deus, é que elas estão com fé no Deus Todo-poderoso, assim nem em seu potencial, e mais, elas afirmam que conseguem vencer por si mesmas. Esta é uma situação que nos defrontamos constantemente, e diante disto podemos somente mostrar que este distanciamento de Deus pode, no futuro, provocar-lhes um vazio profundo.
É preciso ter convicção de que a nossa fé está perante Deus, sem jamais duvidarmos de que Ele pode proporcionar alegrias e grandes realizações por sua presença em nós. Quando esta fé estiver plenamente em nós, teremos condições de não nos condenarmos naquilo que aprovamos, pois que o Senhor já aprovou antes. A nossa fé precisa ser vista por nós como vemos o preto no branco! "Mas guarde entre você mesmo e Deus o que você crê a respeito desse assunto. Feliz a pessoa que não é condenada pela consciência quando faz o que acha que deve fazer!".
Como está sua vida perante Deus? Você tem fé? Acredita que Ele pode realizar grandes coisas através da fé que você posssui?
A fé é o fundamento da esperança, é uma certeza a respeito do que não se vê. (Hebreus 11.1).
Léo Lima

sexta-feira, 25 de maio de 2012

RESPONSABILIDADE

"Assim como tu não sabes qual o caminho do vento, nem como se formam os ossos no ventre da que está grávida, assim também não sabes as obras de Deus, que faz todas as coisas." (Eclesiastes 11.5).
"A velhice só chega quando deixamos de nos deslumbrar diante da natureza, e das obras maravilhosas de Deus." (Johannes Peter Schmitt). Quando nos deparamos com pessoas que buscam a vitalidade e a alegria de viver mesmo nos seus setenta anos ou mais, podemos constatar que estamos diante de alguém que sabe apreciar as obras de Deus. São pessoas que valorizam cada dia de vida que têm.
E como o escritor de Eclesiastes diz que não conhecemos nada da obra criadora de Deus! Nada da maravilha de Sua criação, nem os caminhos do vento, ou como é desenvolvido o feto, apesar do progresso da ciência, e em especial, de como Deus é maravilhoso! Quando conseguimos vislumbrar um pouco da criação, logo nós louvamos ao Senhor Criador! Por tudo que recebemos precisamos estar cheios de gratidão e nos deliciarmos com o vento que nos toca suavemente. "Maravilhas nunca faltam no mundo, o que falta é a capacidade de senti-las e admirá-las." (Johannes Peter Schmitt).
A obra da criação, o mundo em que vivemos é um presente de Deus, pois Ele criou o mundo para nós e pensando em nós. A vida humana é a maior das criações de Deus. Tudo no ser humano é perfeito. Vemos coisas terríveis que acontecem no mundo vindo da maldade humana e de fenômenos naturais. Mas já está provado que é uma reação inerente à natureza que se sente invadida e destruída pelo próprio homem. Portanto, a criação maltratada devolve coisas más.
Deus deseja que sejamos felizes vivendo e desfrutando de todas as maravilhas que ele nos oferece. E você, como está vivendo sua vida? Como está se portando no espaço em que vive? Conhece os caminhos do vento? Como a natureza é tratada por você? Ela é parte da criação de Deus para o seu bem estar. Desfrute-a com o coração cheio de gratidão ao Senhor.
Não importa quantos anos você tenha, mas é bom que se lembre de agradecer e viver plenamente a bela vida que está diante de você. Mas o melhor que se pode desfrutar é ter certeza de que existe a possibilidade de usufruir de uma vida eterna em um lugar que não podemos imaginar! Supera tudo que nossos olhos já viram! É a vida eterna que Jesus oferece através do maior amor que o homem pode imaginar. E este amor é para você usufruir.
 
A maravilha criada no universo é obra divina.
Deus deseja que usemos de tudo com responsabilidade!
Léo Lima

quinta-feira, 24 de maio de 2012

GLORIFIQUE!!!

"Eu te louvarei, porque de um modo terrível, e tão maravilhoso fui formado; maravilhosas são as tuas obras, e a minha alma o sabe muito bem." (Salmos 139.14).
 
Ao pensarmos em nosso corpo e seu harmonioso funcionamento não podemos deixar de nos maravilhar! Somente Deus e sua grandiosa criação poderia ter-nos criado tão perfeitos. O salmista, quando entoa louvores por esta obra divina, faz da poesia um canto de louvor e exaltação a Deus pela formação do seu corpo e pela excelência desta criação. Nada falta. Cada pequeno detalhe é de suma importância! Se algo não anda bem com qualquer parte do nosso corpo todo ele sofre. Todo ele é afetado. Cientistas estudam cada minúcia dele e concordam com a perfeição da sua constituição.
 
Senhor, diz o salmista, como se eu estivera nas profundezas da terra desde que iniciava a germinação do meu corpo em minha mãe, tudo vias, tudo sabias, tudo conhecias! Como, ao nos lembrarmos desta maravilha, podemos nos calar e deixar de elevar um cântico de louvor e de gratidão ao nosso Deus? Não podemos. Precisamos, como o salmista, dar graças a Deus porque Ele de um modo terrível e maravilhoso nos formou! Necessitamos de coração e alma nos jubilar ante as criações do nosso Deus, em especial, por nossa vida.
 
O Senhor que esquadrinha o nosso interior e conhece o nosso deitar e o nosso levantar, se alegra com a nossa gratidão, com o louvor em nossas almas! "Tu criaste cada parte do meu corpo; tu me formaste na barriga da minha mãe. Eu te louvo porque deves ser temido. Tudo o que fazes é maravilhoso, e eu sei disso muito bem." (vv. 13,14).
 
Deus está atento aos nossos atos e atitudes, aos nossos pensamentos e sentimentos. Ele conhece cada coisa que sonhamos e desejamos. Deus não se esquece jamais do louvor que Lhe devotamos. Ele nos ama e de modo terrível e maravilhoso nos salvou e tudo somente por amor. Jesus Cristo se entregou em nosso lugar sofrendo as dores em seu próprio corpo, as dores que eram nossas.
 
O Senhor viu a cada um ainda informe e hoje
Ele nos vê, ainda, com olhar de terno amor!!!
Léo Lima

quarta-feira, 23 de maio de 2012

NASCER

"Porque a terra por si mesma frutifica, primeiro a erva, depois a espiga, e por último o grão cheio na espiga." (Marcos 4.28).

É maravilhoso contemplarmos o milagre que a natureza nos oferece a cada dia! Esta é uma época em que a terra está sendonaturalmente mais seca. Mas o que mais nos encanta é quando compreendemos que Deus usa tudo o que existe para realizar milagres cotidianos. Desde um pequeno inseto até pássaros, morcegos e outras coisas para executar o plantio natural. As sementes são lançadas pelo mundo afora das mais variadas maneiras. "a terra por si mesma frutifica, floresce..."

Não nos cansamos de pensar em como é feita esta fantástica obra. A semente, por menor que seja, expressa a grandiosidade da criação de Deus. A semente de que fala o texto é um exemplo que Jesus mostra das etapas desde quando a terra mostra o tenro broto de uma planta até a espiga com grãos cheios e outros milhares de frutos que delas brotam. Em cada estação do ano a natureza oferece frutos, cereais e vegetais próprios.

O milagre maior que Jesus mostrava é que vidas podem ser transformadas e corações modificados quando a semente do evangelho é plantada. Uma mente transformada por Jesus vai muito além do comum. O milagre que acontece é especial. Essa pessoa busca trabalhar para que a mensagem transformadora não fique no anonimato e faz com que todos cheguem ao pleno conhecimento do Filho de Deus. O propósito de Deus é que ninguém se perca, mas que todos participem do crescimento do reino e os que ainda estão distantes deste reino venham a pertencer ao reino de Deus através do milagre da salvação, que é o maior de todos os milagres.
A semente morre para germinar.
Na salvação também acontece o novo nascimento!

Léo Lima

terça-feira, 22 de maio de 2012

FRUTIFICANDO


"Outra parábola lhes propôs, dizendo: O reino dos céus é semelhante ao grão de mostarda que o homem, pegando dele, semeou no seu campo." (Mateus 13.31).

Uma semente. Geralmente, um grão muito pequeno que ao morrer nasce e produz parte do que o homem necessita para sua sobrevivência. Jesus fazia uma maravilhosa comparação em que da semente, da menor semente existente na época, podia-se ter uma árvore muito grande. Assim é o reino de Deus. Por menor que seja a semente lançada pela mensagem redentora ela poderá crescer atingindo muitas e muitas vidas que farão parte do reino de Deus.
O início do cristianismo foi muito difícil. Os primeiros cristãos sofreram, foram humilhados, muitos sofrendo a morte para poder transmitir a mensagem do reino. Mas ela deu fruto, cresceu e se solidificou.


"Outra parábola [...] a qual é, na verdade, a menor de todas as sementes, e, crescida, é maior do que as hortaliças, e se faz árvore, de modo que as aves do céu vêm aninhar-se nos seus ramos."(Mateus 13.31,32). Esta parábola nos comove quando nos recordamos de que o reino de Deus é composto de preciosas vidas colocadas no altar do Senhor para serem usadas por Deus e, diante do trono divino, elas pedem para que o mundo morra dentro delas e que assim possam crescer e se multiplicar com frutos dignos da salvação.
Como é bom lembrarmo-nos de que neste reino existem somente árvores vivas! Árvores que produzem sombra aconchegante e muitos frutos. Somente assim é que temos certeza de que está sendo cumprido o desejo de Jesus Cristo, quando nos mostrou que a menor de todas as sementes pode ser uma árvore frondosa. Precisamos refletir a vida e anunciarmos esta mensagem que redime e, principalmente, mostrarmos que nosso amor não está arraigado somente em nós.
Você deseja ser uma semente que morre? A pessoa ao aceitar Jesus Cristo como Senhor está permitindo que o mundo morra em sua vida e ela passa a viver o reino de Deus.  
Jesus está aguardando para lhe dar
uma nova e fecunda vida!
Léo Lima

segunda-feira, 21 de maio de 2012

SOFRER

Hoje vou postar uma poesia que tem como referência o mesmo texto usado na mensagem de ontem. Em Ezequiel onde Deus nos mostra que precisamos sofrer com o sofrimento dos outros. Vale conferir para se chegar ao que o Senhor deseja de cada um de nós.

Vá por toda a cidade de Jerusalém e faça um sinal na testa de todas as pessoas que sofrem e se aborrecem por causa de todas as coisas vergonhosas que estão sendo feitas na cidade. Ezequiel 9.4.

Quando sentires que teu irmão
Tropeçou, caiu...
E levantando, procura tua mão,
Que não se abriu...
 

Quando ao teu redor tudo for
Somente pecado.
E olhares indiferente, sem amor
Com desagrado...

 
Quando conseguires olhar, sorrir
Indiferente
Ao que te cerca. Vendo sucumbir
A tanta gente...

 
Quando tu rires do teu irmão
Que é só erro
E indiferente, segues, o coração
Em desterro...

Quando o teu amor for somente
Um vislumbre,
Uma gota que a ti unicamente
Deslumbre...

 
PASSA PELO MEIO DA CIDADE..."

E estiveres sozinho insensível.
Nada de caridade, em teu caminho...
Se não sofreres...
Em tua testa já não terás
O sinal evidente.
Castigo somente é o que te resta!...
E... sofrerás!...
Léo Lima

domingo, 20 de maio de 2012

ORANDO...

Quando ouvi isso, eu me sentei e chorei. Durante alguns dias, eu fiquei chorando e não comi nada. E fiz a Deus esta oração: Ó SENHOR, Deus do céu, tu és grande, e nós te tememos! Tu és fiel e guardas a tua aliança com aqueles que te amam e obedecem aos teus mandamentos. Olha para mim, ó Deus, e ouve as orações que faço dia e noite em favor dos teus servos, o povo de Israel. Eu confesso que nós, o povo de Israel, temos pecado. Os meus antepassados e eu temos pecado. [...] Não temos obedecido às leis que nos deste por meio de Moisés, teu servo. Lembra agora do que disseste a ele: “Se vocês, o povo de Israel, forem infiéis a mim, eu os espalharei entre as outras nações. Mas, se depois disso, vocês voltarem para mim e obedecerem aos meus mandamentos, eu os trarei de volta para o lugar que escolhi para ali ser adorado, mesmo que vocês estejam espalhados pelos fins da terra.”   Senhor, estes são teus servos, o teu povo. [...] Ouve agora a minha oração e as orações de todos os outros teus servos que têm prazer em te adorar.  (Neemias 1.4-11).
 
Para quem não sabe, Neemias foi um grande líder que na época do cativeiro do povo de Deus ele era um dos homens principais do rei... Ele recebera notícias do seu povo e da desolação que se achava em Jerusalém. E ele chora. Chora e ora! Ele no momento de saber as notícias tristes lamenta-se, derrama lágrimas e faz uma oração por todos os que sofriam com a situação.

O profeta Ezequiel narra Deus dizendo: “... Passa pelo meio da cidade, pelo meio de Jerusalém, e marca com um sinal a testa dos homens que suspiram e que gemem por causa de todas as abominações que se cometem no meio deles”. Ezequiel 9:4.

Duas situações que nos mostra a Palavra de Deus ensinando sobre a necessidade de nos prostrarmos e chorarmos por todos os acontecimentos que vivemos. Basta assistir a um noticiário que podemos constatar que as lágrimas e as nossas orações são necessárias por este mundo que jaz no maligno.

Neemias chorou e se derramou diante do Pai em oração e logo partiu para a ação. Já o texto de Ezequiel fala dos que, hoje, choram e sofrem por todas as atrocidades que acontecem neste mundo e menciona que estes que assim fazem terão uma marca especial em suas testas no final dos tempos. O mesmo livro fala da responsabilidade de sermos atalaias. Aquele que anuncia a mensagem divina. Portanto, é possível pensarmos que não é somente a indignação pelas ocorrências; não é somente ficarmos orando e chorando, mas é essencial que nós nos levantemos e comuniquemos a boa notícia da salvação.

 O Senhor necessita de atalaias como Neemias com corações compungidos e revestidos pelo amor divino.
Léo Lima

sábado, 19 de maio de 2012

FLORES D´OUTONO

O outono que é a estação em que as folhas caem muitas plantas perdem suas folhas para nos doar das mais encantadoras visões que nossos olhos podem descortinar. Este ano de forma especial o nosso outono está mais parecendo um inverno chuvoso... E como podemos olhar para vários lugares e podemos contemplar uma árvore florida. São as flores do outono. E ao vê-las a alegria de ver o sorriso festivo das flores não há como me furtar de sorrir para elas também. Meu saudoso pai que escreveu diversas poesias, e, dentre elas uma com o título Flores d´outono que compartilho:

Flores d'outono - Amil Edram
Semi despidas de suas folhagens,
árvores, arbustos, trepadeiras,
ainda assim se aprestam faceiras
a exibir as suas belas roupagens.

Muitas delas se cobrem de cores
alegres, exóticas, vistosas.

Elas tornam as tardes ditosas
e as amanhãs mais ricas em albores.

Flores d'outono, quanto que alegram
Os prados já quasi ressecados.
Eu vos saúdo, Flores d'Outono!

Porque na minha alma também medram,
os sonhos de há muito acalentados,
enquanto existís, Flores d'Outono!
Ele escreveu vários sonetos e este é um deles. Mas a natureza em qualquer estação nos oferece maravilhas indescritíveis que não dá para não constatar: somente Deus pode ser Criador de coisas tão lindas e sublimes. Na Bíblia está uma poesia que enaltece a beleza da criação divina: "Os céus proclamam a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra das suas mãos. Um dia faz declaração a outro dia, e uma noite revela conhecimento a outra noite. Não há fala, nem palavras; não se lhes ouve a voz." Salmo 19.1-3.
Que Deus abençoe a sua vida e pense: Deus nos mostra seu amor, 'também', através das lindas coisas que criou.
Léo Lima

sexta-feira, 18 de maio de 2012

ALIANÇA

"Saberás, pois, que o Senhor teu Deus é que é Deus, o Deus fiel, que guarda o pacto e a misericórdia, até mil gerações, aos que o amam e guardam os seus mandamentos." (Deuteronômio 7.9).
Conforme promessa do nosso Deus a lealdade divina, é uma realidade para os que aguardam no Senhor. Vale lembrar do pacto que se deu após um grande castigo em que através de um dilúvio o Senhor destruiu todos os que não creram em sua mensagem. Sabemos que o nosso Deus é Deus fiel que guarda a aliança e não se esquece do seu concerto. O concerto de amor eterno. Conforme o texto inicial Deus que guarda o pacto e a misericórdia aos que são fiéis a Ele em obediência aos seus mandamentos.

Este Pai que não se esquece das suas promessas através das gerações torna-se imprescindível a cada dia para que possamos continuar, sempre firmes e inabaláveis na presença santa do Senhor.

Como é bom termos a certeza de que o nosso Deus é presença certa em nós e nos cumula de bênçãos! Na nossa vida deparamo-nos com diferentes tipos de pessoas e uma multiplicidade de cultura que nos cercam que, se não fora a certeza de que Deus é misericordioso e verdadeiro, seríamos um nada. O mundo que nos cerca é cheio de incertezas e mudanças. Um dia uma pessoa está com vontade de estar conosco, mas no outro ela não quer ao menos nos falar.

Mas Deus, através do seu concerto de amor que perdura eternamente, e se concretizou em Cristo Jesus, nos anima a continuarmos a caminhada. Basta desejarmos estar na presença do Pai que não falha. Como é bom podermos viver esta verdade! Viver com o arco do pacto embelezando os nossos dias! Viver cada momento firmes nas promessas do Deus justo e verdadeiro!

O Senhor continua entre nós e em nós!
Léo Lima

quinta-feira, 17 de maio de 2012

CHORAR

"O Senhor teu Deus está no meio de ti, poderoso para te salvar; ele se deleitará em ti com alegria; renovar-te-á no seu amor, regozijar-se-á em ti com júbilo." (Sofonias 3.17).

Como é ruim vermos pessoas tristes. Nos dias que vivemos a tristeza penetra muitos corações e provoca um mal estar constante. A incerteza que este mundo oferece, o reino do inimigo está provocando a maldade de muitos é o que provoca tristeza e mesmo medo até em pessoas otimistas. São várias as ocorrências que acelerou a prática do mal. Entretanto, as pessoas seguras da salvação por Jesus Cristo mostram, apesar de tudo, sua alegria no Senhor.

A promessa de Deus muito antes do Messias nascer foi que o SENHOR, seu Deus, está com vocês; ele é poderoso e salvará o seu povo. Deus ficará contente com vocês e por causa do seu amor lhes dará nova vida. É essa a razão de que o coração do salvo se mantém alegre. Pois que esta promessa se cumpriu na sua totalidade após a morte do remidor, Jesus Cristo. A certeza de que Deus está na vida de cada um dos que O amam que, com grande poder e glória proporciona uma tranquilidade envolvente que de contínuo se renova. É um vínculo harmonioso que Deus oferece aos que O aceitam como Senhor e Remidor.

A alegria que o Senhor tem por seus filhos, aqueles que esperam Nele, é infinita. O Senhor renova as forças do cansado e o enche de seu amor. Como é muito bom pensarmos que somos motivo de alegria do Senhor! Tudo isto só é possível mediante a cruz de Cristo e a salvação que o profeta Sofonias antevia e que seria para os que viessem a crer no Nome do Senhor.

A nossa alegria precisa ser vista e conhecida por aqueles que ainda não usufruem deste prazer no Senhor e na sua lei. O nosso chorar precisa ser por percebermos as muitas vidas sofrerem distantes da alegria do Senhor.

Que a nossa alegria se una à alegria de Deus por vidas salvas.
Léo Lima

quarta-feira, 16 de maio de 2012

AGRACIAR

"Mas Deus, sendo rico em misericórdia, pelo seu muito amor com que nos amou." (Efésios 2.4).

Nossa reflexção mostra nosso Deus que é misericordioso nos ama; e a continuação do texto inicial nos mostra que mais que tudo Deus nos oferece desta misericórdia e a vida eterna: "... estando nós ainda mortos em nossas ofensas, nos vivificou juntamente com Cristo (pela graça sois salvos), e nos ressuscitou juntamente com ele e nos fez assentar nos lugares celestiais, em Cristo Jesus."

O dicionário diz que misericórdia é "sentimento doloroso causado pela miséria de outrem; compaixão; perdão." Portanto, temos um Deus rico em compaixão, cheio de perdão. Um Deus que sofre com a miséria do ser humano, as injustiças que lhe são executadas. Deus, o Pai, sente tudo isso por seu imensurável amor para conosco. Qualquer que seja a rebeldia do homem, Deus está pronto a perdoar. O que Deus não tolera é a idolatria e não perdoa a ofensa ao Espírito Santo.

Muitas vezes não gostamos quando pensamos que de alguma maneira precisamos prestar obediência a alguém, pois nos parece que nunca seremos capazes de caminhar com nossos próprios pés. Dá-nos a impressão de que nunca poderemos escolher o caminho a seguir. Quantas vezes temos a pretensão em pensar que somos muito bons!

Entretanto, é agradável quando sentimos que de fato nossa vida está seguindo a orientação divina e que os nossos passos estão envoltos pela misericórdia de Deus! É bom sentirmos esse amor que preenche qualquer vazio que possa adentrar em nosso ser e está disponível a nós!

O profeta Jeremias disse: "As misericórdias do Senhor são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim."

Deus tem misericórdia por seus sofrimentos e deseja agraciar sua vida com Suas misericórdias.
Léo Lima

terça-feira, 15 de maio de 2012

DEUS É AMOR

"Nisto se manifestou o amor de Deus para conosco: em que Deus enviou seu Filho unigênito ao mundo, para que por meio dele vivamos. E nós conhecemos, e cremos no amor que Deus nos tem. Deus é amor; e quem permenece em amor, permanece em Deus, e Deus nele." (I João 4.9,16).

Visitei um lugar de turismo onde todos que lá chegam, extasiam-se ante a magnitude da beleza que reina. O silêncio é tudo que se deseja para que a presença real de Deus fique maior e logo as emoções são de completa paz. O lugar chama-se "Mirante" e está localizado na Chapada dos Guimarães - MT. O Mirante é um dos lugares onde se pode compreender, em parte, a grandiosidade do amor divino. O inigualável gesto de amor que Deus nos proporciona. Podermos viver em perfeita harmonia com Sua criação.

A paisagem leva-nos a retroceder no tempo e recordarmos da maior manifestação de amor que Deus nos proporcionou: Jesus Cristo. É possível para nós interligar a beleza e o amor demonstrados por nosso Pai quando enviou seu único Filho para nos resgatar. A maior porva de amor demonstrada aos seus filhos. A natureza se ofusca diante do brilho da redenção na cruz do calvário. Jesus Cristo, em seu gesto de obediência nos permitiu viver, depois que morreu e ressuscitou para que possamos viver por amor. "E nós conhecemos, e cremos no amor que Deus nos tem. Deus é amor; e quem permenece em amor, permanece em Deus, e Deus nele."

A manifestação do amor de Deus por nós é maior que todas as menifestações que a natureza possa proporcionar aos nossos olhos e emoções. As alegrias estão ao nosso dispor, basta que as busquemos. Olhemos ao nosso redor para sentirmos o inigualável amor de Deus por nós.

Até as gotas de orvalho mostram o imenso
amor de Deus pela humanidade!
Léo Lima

segunda-feira, 14 de maio de 2012

FILHOS DE DEUS

"Vede que grande amor nos tem concedido o Pai: que fôssemos chamados filhos de Deus; e nós o somos. Por isso o mundo não nos conhece; porque não o conheceu a ele." (1 João 3.1).
É muito difícil para determinadas pessoas compreender a vida dos cristãos como a vemos e vivemos. Para nós, a segurança em Cristo é predominante pois existe a certeza de que somos, realmente, filhos de Deus, através do amor remidor de Jesus Cristo. Nos dias que vivemos a insegurança reina. O medo, pela maldade e ambição humanas, está fazendo com que a instabilidade ameace todas as pessoas, sem exceção. A confiança no ser humano está ameaçada por notícias que chegam a assustar.

Existe momentos em que todas as pessoas precisam de um ombro amigo onde reclinar a cabeça e desfrutar da paz prometida. O mundo a cada dia que passa está mais inquietante. Onde a paz? Cristo prometeu e cumpre, pois somos filhos de Deus por adoção dEle, Jesus Cristo, e a paz que desfrutamos não consegue ser perturbada por maldades que rondam nossas vidas. A fé que deve reinar em nossos corações é que impede que sejamos atordoados pelos acontecimentos. Jesus está com os braços abertos e pronto para receber nossos temores e nossas incertezas e seu amor que está sempre ao nosso alcance.

O texto inicial nos mostra em como é bom termos a certeza de que o nosso Deus é o Pai mais amoroso, mais compassivo, mais misericordioso que se possa desejar e está sempre pronto a nos acolher. É essa certeza que proporciona a paz inigualável que desfrutamos por termos a presença certa do Senhor. Somos filhos de Deus através do seu imenso e inigualável amor.

Que em meio a tanta incerteza que ronda o mundo, possamos usufruir da alegria que o amor divino nos dá: sermos filhos de Deus.
Léo Lima

domingo, 13 de maio de 2012

REMINISCÊNCIAS

Com muita alegria compartilho, novamente, uma poesia que o mau pai escreveu sobre a pessoa que mais sente a concepção de uma vida: 'MÃE'. Vale refletirmos na preciosidade que é o amor materno. Deus abençoe todas as mães com sabedoria, otimismo, perseverança e AMOR imedido!

Léo Lima
REMINISCÊNCIAS
As palavras não faladas,
As promessas não cumpridas,
Os deveres esquecidos,
As saudades escondidas...
As lembranças revividas,
Dos castigos já sofridos,
Dos carinhos já perdidos,
As agruras já vencidas...
Os sonhos bons revividos,
As dores reintensificadas,
As tristezas redobradas,
Os olhos umedecidos...
As sombras,
            Os sonhos,
                        O prazer,
O passado,
            O presente,
                        O futuro,
O orgulho,
            A fama,
                       A glória,
O mundo,
            A honra,
                      O obscuro...
As frases soltas, as zangas,
Os sorrisos, os gestos, os trejeitos,
Os conselhos, os castigos, palmadas,
As canções de ninar desafinadas...
As orações balbuciadas,
O coração opresso de cuidados,
Os cabelos desgrenhados,
As mãos frias, calejadas,
Passos trôpegos, cansados,
Os cabelos encanecidos,
Um turbilhão nos sentidos...
A compreensão, a humildade;
A justiça, a bondade;
     O perdão;
           O amor;
                A síntese;
                         O tudo;
                              O nada:
                                              MÃE!!!

Amil Edram
 

 

sábado, 12 de maio de 2012

OBEDIÊNCIA

"Mas, assim como o Pai me ordenou, assim mesmo faço, para que o mundo saiba que eu amo o Pai. Levantai-vos, vamo-nos daqui." (João 14.31).

Assim como é verdade que o homem pecou, Jesus, sendo Deus foi o mais obediente homem que viveu neste mundo. No texto acima, Jesus estava demonstrando uma atitude de total obediência a Deus, ele deixou o exemplo de como se deve obedecer, ainda mais tendo para nos ajudar o Consolador, o Espírito Santo de Deus que viria, e veio, após a morte e ressurreição de Jesus Cristo.

Jesus, no texto inicial, mostra que Ele é obediente a Deus de uma forma total. Ele ensina o que Ele mesmo vive. A intensidade do amor que unia Jesus a Deus é o que Ele mostra aos seus discípulos e que nos ensina hoje, "Mas o mundo precisa saber que eu amo o Pai e que, por isso, faço tudo o que ele manda. — Levantem-se, vamos sair daqui!." Jesus fazia tudo como o Pai ordenava. Muitas vezes não gostamos de receber ordens. Não aceitamos que determinadas pessoas ordenem que façamos algo e deixamos de usufruir até de coisas boas.

Muitas vezes nós nos sentimos incapacitados se nos defrontamos com problemas de pessoas que nos são caras. Às vezes são coisas que desconhecemos, e, se vamos falar ou mesmo aconselhar alguém para algo que não conhecemos, que não vivenciamos precisamos ser cuidadosos. Mas se temos experiência sobre o assunto, aí sim, podemos ouvir e até falar de coisas nossas. Podemos, quem sabe, ajudar essa pessoa. Podemos fazer sugestões para que ela possa enfrentar melhor o seu problema. Ouvir e ajudar o semelhante foi um dos pontos altos do ministério de Jesus. Deus é quem nos capacita através do Espírito Santo e quando somos obedientes à voz do Senhor podemos cooperar uns com os outros.

Percebemos alegria nas palavras de Jesus ao dizer da sua obediência ao Pai. Soa como uma declaração de amor. Mas vemos também como o reflexo da íntima comunhão entre Pai e Filho. Se temos este privilégio de viver este estado de espírito com Deus podemos realizar todas as coisas como prova do nosso amor. Obedecermos em amor. E muitas coisas boas ser-nos-ão acrescentadas.
A obediência alegra o coração de Deus!
Léo Lima