COMUNIQUE

Seja Bem vindo! Nossa meta é anunciar Boas Novas! Léo Lima
Precisamos decidir em como ser valiosos, em vez de pensar o quão valiosos somos. Filosofia chinesa

Aflições vindas das Mãos Soberana São bênçãos disfarçadas! (Adam Clarke)

terça-feira, 30 de setembro de 2014

CULTUANDO



Quem tem o direito de subir o monte do Senhor? Quem pode ficar no seu santo Templo? Somente aquele que é correto no agir e limpo no pensar, que não adora ídolos, nem faz promessas falsas. O Senhor Deus o abençoará, o salvará e o declarará inocente no julgamento. São assim as pessoas que adoram o Senhor, que prestam culto ao Deus de Jacó.” (Salmo 24.3=6).
Quando nos deparamos com as condições que deve viver a pessoa que tem o direito de subir para mais perto de Deus ficamos a pensar na dificuldade para isso. Em outra versão da Bíblia diz que para ficar na presença de Deus é necessário ser ‘puro’ de coração. Ser correto no agir e limpo no pensar é algo de desafiador para o ser humano. Entretanto estas condições são imprescindíveis.
Outra coisa que se deve deixar é a adoração a qualquer outra coisa ou pessoa que não o Senhor. Outra condição é a pessoa prometer algo que sabe não poderá cumprir. Depois que a prática destas coisas é que se pode prestar culto aceitável ao Senhor.
Que possamos chegar diante do Senhor em condições de adorá-lo em Espírito e em Verdade. Que nosso culto além de ser de coração puro seja, também, racional. Louvado seja o nosso Deus!
Léo Lima

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

GRATIDÃO



Eu sempre darei graças a Deus, o Senhor; o seu louvor estará nos meus lábios o dia inteiro. Eu o louvarei por causa das coisas que ele tem feito; os que são perseguidos ouvirão isso e se alegrarão. Anunciem comigo a sua grandeza; louvemos juntos o Senhor. Eu pedi a ajuda do Senhor, e ele me respondeu; ele me livrou de todos os meus medos”. (Salmo 34.1-4).
Agradecer. Esta é uma atitude que mostra o quanto uma pessoa sabe reconhecer uma ajuda. O escritor afirma que sempre vai agradecer a Deus por todas as coisas que ele tem recebido de Deus.
Davi diz ainda que vai conservar o louvor a Deus em todo o tempo da sua vida. Esta é uma atitude que alegra o coração de Deus. O propósito do poeta demonstra que é uma pessoa agradecida e que reconhece os benefícios recebidos das mãos divina.
No final ele declara que fez uma oração pedindo ajuda do Senhor e logo recebeu a resposta. Deus o livrou de todos os receios que ele tinha. Dar graças é reconhecer que recebeu um favor.
O convite é para que possamos ter um coração grato. Louvemos e adoremos a Deus com nossos atos e atitudes.
Léo Lima

domingo, 28 de setembro de 2014

PEDINDO



Louvado seja Deus, o Senhor, pois ele ouviu o meu grito pedindo ajuda. O Senhor é a minha força e o meu escudo; com todo o coração eu confio nele. O Senhor me ajuda; por isso, o meu coração está feliz, e eu canto hinos em seu louvor. O Senhor Deus é a força do seu povo. O Senhor é o refúgio seguro do rei que ele escolheu. Ó Deus, salva o teu povo e abençoa aqueles que são teus! Sê o pastor deles e cuida deles para sempre.” (Salmo 28.6-9).
No início desta oração o rei Davi pede ajuda, pois ele sente necessidade de mostrar suas necessidades diante do Senhor. Sua súplica deixa claro que ele e todos nós precisamos nos prostrar e pedir a ajuda do Pai celestial.
Quando ele chega nesta parte final ele louva e glorifica. Davi mostra o quanto a oração pode muito em seus efeitos e enumera os benefícios que tem recebido do Pai. Ele mostra Deus como seu escudo e força. Mostra que sua confiança está no Deus da sua salvação.
Faço das palavras de Davi minha oração pela minha pátria: ‘Ó Deus salva o teu povo e abençoa aqueles que são teus! Sê o pastor deles e cuida deles para sempre’. E eu vou além: Senhor dê sabedoria para que este povo saiba o que fazer neste momento especial.
Que possamos glorificar nosso Deus com nossos atos e atitudes para que o Nome do Senhor seja glorificado por nós e todos os que nos cercam tenham a certeza de que somos cristãos.
Léo Lima

sábado, 27 de setembro de 2014

CONTEMPLAÇÃO



"Um dia faz declaração a outro dia, e uma noite mostra sabedoria a outra noite, sem linguagem, sem fala, ouvem-se as suas vozes." (Salmos 19.2,3).
Os céus são uma prova visível do poder, da glória, da sabedoria e das leis de Deus.


Os céus são uma prova visível do poder, da glória, da sabedoria e das leis de Deus. Contemplá-lo dá ao ser humano a sensação da grandiosidade do amor quando da criação. É tudo tão harmonioso que quando qualquer coisa é alterada, logo o homem procura descobrir a razão física para que, por exemplo, os tufões, aconteçam.

Neste salmo que é uma das mais completas poesias sobre a excelência da criação, o salmista Davi deixa jorrar do seu coração toda a admiração, todo encanto. Uma adoração transcendente que procura glorificar a Deus. Ele conseguiu captar tão sublime mensagem que lembra como Deus é louvado pela natureza e ele a expressou de maneira singular!
Um dia se declara ao outro, enquanto que a sabedoria mostra-se com sabedoria para a outra noite, em silêncio, sem emitir uma palavra sequer, mas é possível ouvir seu canto. Quando os olhos podem contemplar este quadro multicolorido e adentrar na magnitude desta mensagem que está sempre disposta a cantar ao Senhor, ela é sentida! Esta comunicação se mostra de forma singular aos olhos e corações dos que desejam compreendê-la. Ela é transmitida a todos os povos como um testemunho universal do amor divino ante a profunda contemplação de cada um.
Os céus estão constantemente revelando a glória do Pai. A Palavra expõe a grandiosidade de Deus, e nos mostra que em nosso interior podemos ter refletida esta beleza; a Sua graça em nós, a Sua misericórdia por nós. E para que essa graça fosse completa, temos Jesus Cristo o mediador. Ele é a plenitude de Deus Pai que se fez visível entre nós.
Precisamos como os céus proclamar estas maravilhas do Senhor. Testemunhar de tão grande amor. E como um dia faz declaração a outro dia, assim nós declaramos que Deus pode transformar todos que desejarem.
Léo Lima