COMUNIQUE

Seja Bem vindo! Nossa meta é anunciar Boas Novas! Léo Lima
Precisamos decidir em como ser valiosos, em vez de pensar o quão valiosos somos. Filosofia chinesa

Aflições vindas das Mãos Soberana São bênçãos disfarçadas! (Adam Clarke)

domingo, 30 de junho de 2013

ORAÇÃO

O Senhor já ouviu a minha súplica; O Senhor aceitará a minha oração.” (Salmo 6.9).
O nosso Deus tem respondido às orações dos servos que O buscam. Louvado seja o nosso Deus! O salmista mostra uma confiança de que o Senhor ouve, aceita e responde as súplicas do coração que clama.
Para que isso aconteça é necessário colocar nossos desejos em forma de petição no trono divino. O Senhor recebe nossas petições no Seu ouvido e coração.
Eu, que tantas vezes peco, recebo do Senhor além da salvação muitas bênçãos que Ele me oferece.
Bendito seja o Nome que responde as nossas orações. Senhor, ensina-me a orar, pois sei que ouves quando me dirijo ao Senhor em oração. Sim. Tu ouves a minha oração e eu Te louvo!
Léo Lima

sábado, 29 de junho de 2013

LANÇA A SEMENTE

Lança o teu pão sobre as águas, porque depois de muitos dias o acharás.” (Eclesiastes 11.1).
Quando fazemos o bem ao próximo aguardamos que o prêmio venha até nós. Isso ocorre muitas vezes. Não devemos limitar os nossos esforços aos lugares e às pessoas que imaginamos podem dar uma recompensa para nosso esforço.
Conta-se que os egípcios jogavam sementes sobre as águas do rio Nilo, o que pode nos parecer desperdício. Entretanto, no tempo certo a inundação baixa, a semente penetra no solo fértil e recebe tudo que necessita para produzir.
Podemos usar este critério para anunciar a mensagem e ajudar nosso próximo. Lançar a semente mesmo que aparentemente aquela pessoa é totalmente indiferente. Nosso trabalho para o Senhor nunca será em vão.
Compete a nós lançar o pão sobre as águas, pois é de Deus o cumprimento da Sua promessa: ‘o acharás’. A Sua boa palavra que temos falado viverá e será entendida por outros. O tempo da germinação não é nosso ‘depois de muitos dias’ diz a Palavra de Deus.
A promessa do Senhor será cumprida. Procuremos cumprir aquilo que nos compete fazer. Que as bênçãos e as misericórdias do Senhor sejam com a nossa vida.
Louvado seja nosso Deus!
Léo Lima

sexta-feira, 28 de junho de 2013

BOM ÂNIMO

No mundo tereis aflições; mas tende bom ânimo, Eu venci o mundo.” (João 16.33).
As palavras do nosso Senhor Jesus sobre as aflições são verdadeiras. Muitas vezes passamos por tristezas e males que não conseguimos entender. Enquanto estamos vivendo aqui sabemos que estamos sujeitos a sofrer. Aqui não é o lugar do nosso repouso. O inimigo está na espreita e sabemos que nossas aflições são passageiras. As palavras de Jesus nos mostra que é necessário que tenhamos ânimo. Não nos deixemos prostrar. Ele mesmo sofreu, mas afirmou que venceu o mundo e suas aflições.
Somos inclinados ao desânimo e é neste ponto que Ele diz: ‘tende bom ânimo’. Quando as provações nos chegam nos abatemos. Não devemos dar lugar a este sentimento. Vale lembrar o ditado: ‘O passarinho pode pousar na sua cabeça, mas não deixe fazer ai seu ninho’. Quando a dor ou o desânimo chegar lembre que Jesus venceu o mundo e Seu Espírito está em nós para nos dar forças.
Jesus nos lembra da sua própria vitória para nos fortalecer: ‘Eu venci o mundo’. Jesus venceu o mundo e eu também posso vencer as lutas. Sinto-me renovada e tenho bom ânimo logo canto com alegria por meu Salvador pois Ele me dá a vitória.
Louvado seja nosso Redentor e Deus!
Léo Lima

quinta-feira, 27 de junho de 2013

EM PÉ PELA FÉ

"Está bem: pela sua incredulidade foram quebrados, e tu estás em pé pela fé; então não te ensoberbeças, mas teme." (Romanos 11.20).

A soberba, conforme o dicionário, quer dizer: altivez, arrogância, orgulho, presunção. Ela geralmente se infiltra no coração do homem que deixa escapar todas as oportunidades de ser humilde. Quando acontece o progresso chegar na vida de uma pessoa, seja em que aspecto for, em qualquer faceta, a soberba faz-lhe uma visita e, às vezes, pode até fixar residência em seu ser. Isto pode acontecer no âmbito espiritual também.

Algumas pessoas quando sentem que estão obtendo maior comunhão com Deus, ficam cheias de si, e acabam se esquecendo das palavras que a Bíblia nos fala: "Aquele pois que cuida estar em pé, olhe não caia." (I Coríntios 10.12). Um dos maiores perigos que alguém pode passar é o orgulho, a soberba.

Os judeus, que eram o povo de Deus, perderam alguns privilégios e muitos dos que eram tidos como gentios, os povos que eram de outras nacionalidades, receberam a grata alegria de serem feitos filhos de Deus através de Jesus Cristo. Muitos dos judeus não creram no Messias, e nós que temos crido procuramos nos manter firmes. Mas a recomendação de Paulo procura nos influenciar: "Está bem: pela sua incredulidade foram quebrados, e tu estás em pé pela fé; então não te ensoberbeças, mas teme." 'Não te dês a vãs glórias,' continua a aconselhar o apóstolo Paulo. E é isto que estamos refletindo e que nos leva a pensar no perigo que corremos por esquecermos o temor do Senhor, o respeito que devemos ter a Deus, o Pai. E, quem sabe, algumas vezes sentimo-nos vaidosos por estarmos firmes. Cuidado! Quem está em pé, olhe que não caia.

Entenda que, ao aceitar a salvação por Jesus Cristo, você passa a ser um filho de Deus. Deus, em seu infinito amor, ofereceu a nós fazermos parte deste reino especial, nós os que somos de outras nações. Isto se crermos em Cristo e na sua salvação.

Estamos em pé somente pela misericórdia de Deus! 
Léo Lima

quarta-feira, 26 de junho de 2013

DÁDIVAS

E servireis ao Senhor vosso Deus, e Ele abençoará o vosso pão e a vossa água; e Eu tirarei do meio de ti as enfermidades.” (Êxodo 23.25).
Que promessa especial! Servir a Deus já é em si uma grande alegria. Porém, que privilégio é termos mais estas bênçãos prometidas no texto. Bênção que repousa diariamente na vida do servo do Senhor. O suprimento de todas as necessidades físicas. Jesus abençoou o pão e nós comemos pão bendito e bebemos água abençoada por nosso Senhor. Estas bênçãos estão e permanecerão com todo o que busca fazer a vontade do Pai.
Quando nosso Deus está à mesa, não pedimos a bênção somente, ela está conosco. Somos abençoados em todas as circunstâncias da nossa vida. Esta bênção sobre a nossa mesa não é dádiva, mas graça divina. Ele vai abençoar o pão e a água que você necessita e vai lhe dar saúde. Esta é a promessa.
Louvado seja o Senhor!

Léo Lima

terça-feira, 25 de junho de 2013

CLAMOR

Porque Ele livrará o necessitado quando clamar, como também o aflito e o que não tem quem o ajude.” (Salmo 72.12).
O necessitado clama. O seu clamor é ouvido por Deus. Clamar é um ato de sabedoria. Não clames de modo que o outro te ajude e se ele o fizer é porque o Senhor assim o permite. O caminho mais curto é ir diretamente a Deus, clamando diante dele. Corre diretamente ao Senhor e não a coisas secundárias.
Se você diz: ‘não tenho quem me ajude’ isso é melhor. Confie em Deus. Que a tua necessidade seja causa da tua súplica. Sabendo que as misericórdias do Senhor estão disponíveis diariamente, espere somente que elas cheguem até você. Às necessidades espirituais o Senhor ouvirá o teu clamor suprirá e livrará sua vida de tudo o que te faltar.
Põe Deus à prova. Ore. Ele nunca me falta. Pode fazer o mesmo por você. Peça somente a graça divina e Ele te concederá o que necessita e deseja o seu coração.
Léo Lima

segunda-feira, 24 de junho de 2013

PARA A ETERNIDADE

"Naquele ano Isaque fez plantações ali e colheu cem vezes mais do que semeou, pois o Deus Eterno o abençoou. Ele foi enriquecendo cada vez mais e se tornou muito rico e poderoso." (Gênesis 26.12,13).

Um dos sonhos mais frequentes de muitas pessoas é o de ser rico. Sendo ricos
faríamos muitas coisas, tudo o que hoje nos falta... compraríamos. Enfim, ser rico é uma ambição, às vezes moderada, outras enlouquecedora!

Isaque, filho do maior amigo de Deus, Abraão, andou nos caminhos do seu pai, pois ele vivenciou muito de perto uma das maiores provas de fé que já se ouviu falar - o pedido de Deus a Abraão para sacrificá-lo -. Portanto, Isaque andou muito perto de Deus, o Pai. Desde menino, aprendeu a confiar em Deus. A confiança era uma coisa natural na sua vida, esta confiança em Deus de que ele seria grandemente abençoado.

E Isaque plantou. Semeou acreditando que teria uma colheita produtiva. E foi justamente isto o que aconteceu. Colheu cem vezes mais do que semeou. Este resultado era muito mais do que imaginara. Mas o Senhor Deus continuava a dar infinitas bênçãos a Isaque que se tornou até invejado por muitas pessoas.

Os nossos sonhos podem ser suplantados, não dizemos em se tratando de riquezas, mas eles podem ter resultados maravilhosos quando a nossa confiança está depositada em Deus, nosso Pai. É preciso uma vida diante Dele em amor. É preciso semear, sementes que produzirão frutos dignos do Senhor.

Talvez você não seja uma pessoa que nasceu conhecendo uma intimidade com Deus, mas é tempo de aprender a falar com Ele e ser amigo do Pai celestial. Basta confiar Nele, entregar sua vida a Ele e então você sentirá a alegria que é receber as bênçãos celestes.

Deus oferece bênçãos infinitas. Procure o Pai. 
Ele deseja abençoá-lo com a salvação!
Léo Lima

domingo, 23 de junho de 2013

CORAÇÃO PURO

"Ora o fim do mandamento é a caridade de um coração puro, e de uma boa consciência, e de uma fé não fingida." (I Timóteo 1.5).

Diz o dicionário que simulado é igual a fingido,supostoaparente. Portanto, concluímos que, fé simulada, é algo que existe, mas não acontece o que se espera. Esta é uma atitude que muitas pessoas adotam em diversas áreas da vida. Vivem simulando alguma coisa! Portanto, esta é um ato que chega a ser leviano!

No texto acima o apóstolo Paulo nos aconselha a termos uma fé não fingida. Vamos parar e refletir que, se procurarmos adentrar em nossos pensamentos e sentimentos, podemos ficar indignados com tanta falta de verdade. Podemos até sentir vergonha, se procurarmos olhar de fato nosso interior, e aí depararmo-nos com pequenas coisas que fazemos e que não nos alegram. A beleza de comportamento que mostramos tantas vezes não existe.

O que Deus deseja ver em nós é isto mesmo. Entrarmos em nós para que vejamos o que Ele vê. Na verdade muito do que fazemos é tentar enganar a nós mesmos, e isto é uma tolice pois nosso Deus vê "tudo". O texto que lemos nos diz que é preciso que tenhamos o amor de um coração puro, e de uma boa consciência e se assim fizermos naturalmente a nossa fé será autêntica!

Contudo, Deus deseja que nós falemos com Ele tudo o que nos acontece. Quer que abramos nosso coração com sinceridade e pureza. A nossa atitude de humildade e sinceridade é que vai mostrar se estamos ou não arrependidos de tudo que  pensamos e fizemos que não agrada ao Senhor. É necessário vivermos em sinceridade com Deus e com aqueles que nos estão mais próximos. Só assim estaremos vivendo uma fé não fingida!!!

Deus está aguardando que nos voltemos para Ele 
com corações sinceros e boa consciência!
Léo Lima

sábado, 22 de junho de 2013

CHUVA

Estando as nuvens cheias, derramam a chuva sobre a terra.” (Eclesiastes 11.3).
Quando o tempo muda de repente e as nuvens escurecem a terra muitas vezes temos medo. Este temor pode ser passageiro se nos recordarmos de que acima delas está o sol com seu fulgor. As nuvens escuras, nós sabemos tem muita água. Será possível haver chuva sem nuvens? Quando ela cair o céu ficará mais azul.
Estamos vivendo dias em que as chuvas estão nos surpreendendo. O outono é uma estação de poucas águas. Mas estamos vendo que muita coisa está mudando. Será que estas mudanças estão acontecendo de forma a nos fazer refletir sobre nossa administração para com o nosso planeta? Claro que sabemos que a água é bênção e a chuva é muita bênção. Estamos fazendo nossa parte? Estamos cuidando do espaço que temos para vivermos? Somos responsáveis diante de Deus para com este mundo.
O Senhor nos abençoa com as chuvas e nós, estamos abençoando outras pessoas? O sol está escondido? Lembre-se de que ele continua a brilhar. Que o brilho que Jesus nos oferece continue a irradiar nossas vidas. Louvado seja o nosso Deus!
Léo Lima

sexta-feira, 21 de junho de 2013

AMOR COMPARTILHADO

Bem-aventurados os misericordiosos, porque eles alcançarão misericórdia.” (Mateus 5.7).
Seria injusto que uma pessoa que não perdoa fosse perdoado. De igual maneira aquele que não ajuda ao necessitado tivesse suas necessidades supridas. O Senhor retribuirá a todos de acordo com sua prática. A justiça divina será sem misericórdia para todo aquele que não usou de misericórdia para com seu próximo. Como eu posso ser salvo se não exercito a compaixão? Não uso de misericórdia para com meu Próximo?
O convite é que sejamos aptos a perdoar como o Senhor nos perdoa por Cristo Jesus. Sejamos carinhosos e sensíveis ao sofrimento do outro. Pois que o apóstolo Pauli diz: Mas Deus, sendo rico em misericórdia, por causa do grande amor com que nos amou… nos deu vida” (Ef 2.4,5). É por causa de tão grande amor que precisamos compartilhar suas misericórdias.
Vamos cumprir a ordem de Jesus para que possamos desfrutar das misericórdias paternas. Sejamos cheios de amor para com todos. Louvado seja o nosso Deus e Pai!

Léo Lima

quinta-feira, 20 de junho de 2013

SINCERIDADE

Os sinceros herdarão o bem.” (Provérbios 28.10).
Eis mais uma promessa que contém o livro sagrado. Precisamos ter como nossa referência estas promessas. Nossa vida se estiver pautada pela Palavra de Deus, pois elas resultarão em uma vida plena. O bem deve ser uma das nossas metas.
Fazer o bem. Desejar o bem. Viver bem. Para que isto aconteça é necessário sermos sinceros. Nem a malícia, nem a astúcia dos que possam nos desejar o mal podem nos atingir. A nossa herança está garantida pelo Senhor e nada pode nos tirar uma porção dela.
Se formos salvos pelo sangue precioso de Jesus teremos uma consciência tranquila. Para vivenciarmos o bem é preciso nos apropriar de uma atitude de sinceridade a cada momento. Aleluia! Se assim procedemos teremos uma vida em que a alegria e a paz serão frequentes em nós. Ajuda-nos ó Pai! 
Louvado seja o nome do Senhor!

Léo Lima

quarta-feira, 19 de junho de 2013

PROTEÇÃO

“...pô-lo-ei a salvo, porque conhece o meu nome.” (Salmo 91.14).
Será que estas palavras do salmista fazem referência a mim? Fazem sim. A partir do momento que eu reconheço o Senhor como meu Salvador eu tenho a minha vida salva. Louvado seja o Senhor!
Eu pessoalmente tenho experimentado, provado e conhecido e posso dizer que confio no meu Salvador. Conheço o Nome do Senhor como O de Deus que aborrece o pecado e pelo poder do Espírito Santo que convence creio que Ele jamais vai tolerar o pecado. Entretanto, O Deus que conheço é perdoador através de Cristo Jesus, e sei que Ele perdoou todos os meus pecados. Deus é fiel e não me tem desamparado, apesar das minhas faltas.
O lugar especial que Ele nos coloca impede algo de nos derrubar, pois: ‘...e protegerei os que reconhecem que eu sou Deus, o Senhor.’ Que esta seja nossa experiência na nossa vida!
Louvemos e adoremos ao Senhor!
Léo Lima

terça-feira, 18 de junho de 2013

MUNDO LOUCO

Hoje compartilho, novamente, mais uma das poesias que o meu querido pai escreveu. Esta foi escrita em fevereiro de 1969. A partir do momento que coloco a público estes pensamentos estou concordando com cada um deles. Não somente por seu meu pai, mas gosto do que ele escreveu. Deus usou a vida dele para abençoar a muitos dos que tiveram o prazer de conviver com ele e agora, mesmo que um pouquinho outras pessoas poderão refletir o que ele com inspiração escreveu. Como disse anteriormente o nome dele era Manoel Rodrigues de Lima e ele reduziu para 'Amil Edram'. Deus abençoe a sua vida cada dia mais. Léo Lima

Mundo Louco

As astronaves invadem o infinito.
Os terráqueos desafiam o insondável.
Astros, galáxias, poeira astral.
- Que há por lá?
- Ninguém ainda sabe.
Já se vislumbra algo do que não existe,
Mas o mistério sideral persiste.

Bilhões são gastos na hercúlea empresa.
Suor, lágrimas, sangue, afoiteza.
Multiplica-se ao infinito o saber humano,
E as máquinas tomam o lugar dos deuses!

Nas cidades, as favelas, os 'guetos',
Nos campos desertos, esturricados,
Homens, mulheres, crianças esfaimados!
Ladrões, assassinos, tarados, loucos
Enchem as ruas, os campos, as estradas.
Dor. Sofrimento. Miséria. Suicídios.
Bolinhas. Psicomanias.
Enquanto alguns esbanjam nas orgias
Que aos romanos de Nero,
Em muito superam as dos nossos dias!

Em toda a parte a insatisfação.
O medo governa as nações.
As guerras continuam.
Lutas fratricidas.
Idealismo. Anarquismo. Consumismo.
E tantos outros ismos.
Falta de fé e carência de juízo!

Mundo louco! Tresloucado! Transtornado!
Porque buscas nos sidéreos espaços
Algo que não pode resolver os teus problemas?
De que vale a conquista de Vênus?
Da Lua? De Marte? De Saturno?
De que vale o saber, se por seu turno
A miséria, o sofrimento, a desgraça, continua?

Amil Edram

segunda-feira, 17 de junho de 2013

CUIDADO

"Porque os seus olhos estão sobre os caminhos de cada um, e ele vê todos os seus passos" (Jó 34.21).

Quando experimentamos fechar os olhos fazendo um teste para vermos como é não ter visão, ficamos com medo. Como é bom termos o sentido da visão funcionando normalmente.  Após esta experiência não existem palavras para exprimirmos o que vai em nosso interior quando constatamos a importância que é podermos ver tudo que nos cerca! Podermos contemplar o que amamos e, mesmo o que não nos agrada, é de fato excitante! É maravilhoso poder apreciar o que está e o que acontece ao nosso redor.

Entretanto, a nossa visão está limitada àquilo que está diante dos nossos olhos. Contemplamos e imaginamos, geralmente, coisas que de alguma maneira já vimos.

O texto, no entanto, nos mostra um Poder supremo que pode ver cada passo que damos e isso para cada um dos salvos. Os olhos de Deus estão sobre os caminhos do homem, e Ele vê todos os seus passos. Isto nos alegra e nos coloca numa situação de profunda reflexão.

Os olhos do Senhor estão vendo os nossos caminhos para nos guardar, orientar, dirigir, se assim permitirmos. Mas ainda para nos admoestar, corrigir e nos livrar de nossas vontades e tentações. E quantas vezes precisamos que Deus faça isso! Livrar-nos do mal que possa nos atacar. Ele vê todos os nossos passos. Ele cuida de nós.

Como seria bom se víssemos o invisível! Mas isto acontece somente com os olhos da fé. Deus quer que confiemos nossa vida inteiramente a Ele para que nossos passos possam ser guiados por Ele que nos ama muito. Deixe Deus guiar seus passos a partir de agora! Ouça o que Deus deseja lhe falar! Procure olhar para o Senhor e assim ver o invisível.
Léo Lima

domingo, 16 de junho de 2013

HONRA

O que guarda a figueira, comerá do seu fruto; e o que vela pelo seu Senhor será honrado.” (Provérbios 27.18).
Aquele que cuida da árvore frutífera terá os seus frutos como recompensa do seu trabalho. Assim todo aquele que serve com alegria o seu mestre terá o seu prêmio. Jesus como Mestre Maior deve ser honrado por todos que buscam servi-lo. Servir ao Senhor é como cuidar de uma árvore que dá frutos saborosos. Servir a Cristo dá prazer além da glória que teremos no céu como recompensa.
O Céu onde Jesus Cristo mora, será a nossa moradia eterna como porção honrosa que o Senhor Jesus nos legou, pois a promessa é: ‘o que vela pelo seu Senhor será honrado’.
Senhor ajuda-me a fazer a Tua vontade no teu serviço. Que o teu Espírito Santo faça da minha vida uma vida que mostre o amor que o Senhor nos deu. Desejo continuar ao serviço do Senhor! Louvado seja o Teu nome!

Léo Lima

sábado, 15 de junho de 2013

DÁ-ME TEU PERDÃO, SENHOR!

Mais uma vez compartilho com você mais uma das minhas poesias do livro "Vê". Que Deus possa falar ao seu coração.
"Ainda assim agora mesmo diz o Senhor:
Convertei-vos a mim de todo o coração;
e isso com jejuns e com choro e com pranto."
Joel 2.12.
Jesus chorou... Condoído com o sofrimento,
Com o lamento dos seus amigos...
Chorou por Jerusalém...
O coração de quem
Ama, acalenta...
Como pelo filho
A mãe atenta
Sofre, chora, derrama o pranto.
Oh! Jerusalém!...

Quando Jesus em angústia total
No sofrimento do horto...
Seus discípulos que mal
sabiam que teriam seu Mestre morto
Dormiam...

Jesus é preso.
Grande peso sobre Seus ombros...
Mas eis que no silêncio
Da madrugada fria
Quando em meio à agonia
Jesus era levado,
Pedro de longe o seguia...
E no entanto
Ele nega a Jesus...
O galo canta!

Volta-lhe a luz:
"Antes que o galo cante, três vezes me negarás!"
Pedro olha - Jesus o VÊ.
Olhar meigo, maravilhoso.
Olhar amoroso!
Foge angustiado!
Como um grito su´alma derrama,
E clama: Perdão Senhor!
Chorando naquela inesquecível
Madrugada fria!...
Loucura visível!
De arrependimento sofria!
Em solidão com Deus somente
Chora amargamente...

Hoje minh´alma chora.
- Senhor, não demora.
Olha para mim.
Sonda-me enfim.
Aceita o meu pranto sincero.
Perdoa Senhor, sou tão pobre de amor...
Desejo, Senhor, mesmo aquém
De merecer Teu bem
Receber Teu perdão!...
Dói-me o coração...
Sou fraca; perecível...
E este amor imerecível
Suplico-Te então.

E como Pedro na madrugada fria
Chorou, soluçou...
Minh´alma nesta hora, deste dia
Arrependida
Sentindo quão miserável é a sua condição
Se derrama em pranto!
Dá-me, Senhor, Teu perdão!...
Léo Lima

sexta-feira, 14 de junho de 2013

VEM SENHOR JESUS!

E dar-lhe-ei a Estrela da manhã.” (Apocalipse 2.28).
Até que o Dia desponte e as sombras se afastem quando então veremos Jesus, podemos ter Nele a ‘Estrela da Manhã’. Muitas notícias são divulgadas em jornais diários a sensacional manchete de volta da Estrela de Belém. Foram feitas investigações científicas e a conclusão foi de que o astro em questão era somente a estrela da manhã que diariamente se mostra.
Pensar em Jesus como o sol é melhor, mas é bom pensar nele como essa luz que anuncia que o dia está raiando. Se hoje ainda não pareço com Jesus como desejo, creio que, pela fé, assegura-me o Senhor que um dia serei como Ele.
Creio que viveremos grandes alegrias pois tão certo como vemos a estrela da manhã veremos o grande e terrível Dia do Senhor.
Ó, minha alma, vem! O Senhor já te deu a estrela da Manhã? O teu coração guarda esta verdade e esperança, este amor  e esta graça que o Senhor te deu? Ele quer te fazer vencer o mal e perseverar na justiça. Ora vem Senhor Jesus! Amém.
Léo Lima

quinta-feira, 13 de junho de 2013

A MAJESTADE DE DEUS

Digno és, Senhor nosso e Deus nosso, de receber a glória e a honra e o poder; porque tu criaste todas as coisas, e por tua vontade existiram e foram criadas.” (Apocalipse 4.11).
Estamos diante de um Deus Todo poderoso. Nossos olhos voltam-se para esta sublime visão do apóstolo João. São declarações magnificentes que nosso coração pasma com o que nosso pensamento nos faz contemplar ante a leitura deste texto. Podemos nos alegrar e mais ainda, sentir quão profunda é a expressão do apóstolo ao descrever o que ele ouvira: ‘sobe aqui’. Como o apóstolo é necessário que subamos um pouco mais para contemplarmos a majestade divina. ‘E não descansam nem de dia nem de noite, dizendo: Santo, Santo é o Senhor Deus... que era, e que é, e que há de vir.’ (v. 8).
Quanto louvor e regozijo João vivia e via ante a excelsa presença sobre o trono. Somente o Senhor é Deus e mui digno de receber toda glória, honra e poder.
Senhor nosso e Deus nosso, aceite o louvor do nosso coração. Que possamos glorificar-Te em nosso viver!
Léo Lima

quarta-feira, 12 de junho de 2013

SOBERANO DEUS

O Deus que fez o mundo e tudo o que nele há, sendo ele o Senhor do céu e da terra, não habita em templos feitos por mãos de homens.” (Atos 17.24).
Os reis e príncipes, com poder máximo, possuem palácios, um lugar exclusivo e de grandes honrarias de onde dominam.
O apóstolo Paulo mostra aos atenienses um Senhor, Senhor dos senhores, com todo poder no céu e na terra, eles que haviam construído um altar – AO DEUS DESCONHECIDO – disse o apóstolo: “Esses que vós honrais, não o conhecendo, é o que vos anuncio. Ele não habita em templos feitos por mãos humanas” e ele continuou: este Deus, quando aqui esteve através de seu Filho Jesus Cristo, não procurou um palácio, não recebeu honrarias, mas ressuscitou no terceiro dia e, hoje oferece a VIDA, e vida eterna.
O Senhor só deseja ocupar o primeiro lugar na vida de cada um. Ele quer ser o soberano em cada família fazendo aí seu palácio. Fazendo de você e seu lar o lugar exclusivo para o mais perfeito reinado. Que estejamos preparados para sermos santuários dignos desta desejada aliança.
Sejamos hospedeiros sinceros para o SOBERANO DEUS!

Léo Lima

terça-feira, 11 de junho de 2013

NOSSO DEUS É INCONFUNDÍVEL

Eu sou o Senhor, e não há outro; fora de mim não há Deus; eu te cinjo, ainda que tu não me conheças.” (Isaías 45.5).
Quando os israelitas estavam perto da terra prometida Moisés ao exortar o povo lembrou: “Pelo que hoje saberás, e refletirás no teu coração, que só o Senhor é Deus em cima no céu, e embaixo na terra; nenhum outro há.” (Deuteronômio 4.39).
O ser humano vive em constante insegurança desde o pecado. Desde então busca de várias maneiras por socorro. Procura em fontes negativas o auxílio deixando de buscar o único e inconfundível Deus que está presente em todo momento, em qualquer hora, em todas as circunstâncias. A pessoa acredita que qualquer um pode suprir a sua necessidade.
O Senhor disse: ‘Ai daquele que contende com o seu Criador!’ promete ainda: ‘Eu endireitarei todos os teus caminhos!’ pois, ‘Eu formo a luz, e crio as trevas’. Luz. Trevas. Dia. Noite. Do nascente ao poente. Oh! Como é sublime termos, como cristãos, um único e inconfundível Deus. Porque só o Senhor é DEUS!!!
Léo Lima

segunda-feira, 10 de junho de 2013

CANSADO

Não sabes, não ouviste que o eterno Deus, o Senhor o Criador dos confins da terra, não se cansa nem se fadiga? É inescrutável o seu entendimento.” (Isaías 40.28).
O sofrimento do povo de Israel estava sendo observado e sentido por Deus. Aquele povo encontrava-se cansado, e eis que através do profeta Isaías o Senhor prometia o livramento. Ele, somente o Senhor que não se cansa, nem se fatiga promete renovação das forças do cansado, não somente a renovação, mas, multiplica. É muito mais do que o ser humano espera que Ele ofereça aos que nada têm. Disse o profeta: “Todos se cansarão, mas os que esperam no Senhor terão as suas forças renovadas.” (Isaías 40.31).
A cada dia que passa vivemos uma sufocados por muitas atividades que precisam ser executadas, porém o cansaço absorve nosso corpo com surpreendente velocidade deixando-nos como que entorpecidos, muitas vezes estáticos. O tempo é pouco, a fadiga domina nosso corpo e mente. Carecemos lembrar que temos um Deus incansável. Em Deus não há sombra de variação.
Os que esperam no Senhor subirão como águias, correrão e não se cansarão”.

Léo Lima

domingo, 9 de junho de 2013

CONVITE AO LOUVOR

Louvem eles o nome do Senhor, pois só o seu nome é excelso; a sua glória é acima da terra e do céu.” (Salmo 148.13).
O ideal na constante caminhada da vida é alcançar o alvo proposto. Quando o ser humano não tem uma meta o seu viver torna-se vazio, insípido. E, é nesta estrada que está sendo percorrida que passam muitas vezes despercebidos detalhes das muitas coisas que circundam o caminho escolhido.
O andarilho, por sua despreocupação, pode contemplar maiores detalhes do que o cerca e sentir a suavidade da natureza. O sol e a sua força, o mar e o desafio do insondável. A terra e sua vastidão desigual. Ao contemplarmos os detalhes da natureza criada por Deus podemos manter nossa adoração e glorificação ao nome do Senhor.
Quando o ideal está no fim do atalho, da estrada e nos leva por montes e cales até o Senhor podemos chegar diante da gloriosa majestade divina com hinos de louvor como Davi muito bem expressou: ‘só o seu nome é excelso; a sua glória é acima da terra e do céu’.

Léo Lima

sábado, 8 de junho de 2013

A CRIAÇÃO LOUVA

Ó Senhor, quão multiformes são as tuas obras! Todas elas as fizeste com sabedoria; a terra está cheia das tuas riquezas.” (Salmo 104.24).
Ao visualizarmos certas paisagens, pessoas, objetos o nosso desejo é, que nosso pensamento grave para sempre a imagem que nos fascina. Quantas vezes ao nos distrairmos ante estas maravilhas que contemplamos esquecemo-nos que a criação, a natureza, as grandes coisas pequenas atestam a sabedoria divina.
Como é gratificante contemplarmos as obras do nosso Deus! Percebemos então tudo de mais belo e perfeito e chegamos a exclamar como Davi extasiado diante da variedade das obras do nosso Deus que mostram harmonia e beleza singular. O salmista mostrou uma atitude de oração ao contemplar a perfeição nas imperfeições, -montes e colinas- deste mundo.
Que nosso coração, em sincera devoção, procure ver e sentir a revelação da criação que, atestando, declara a grandiosidade das obras de Deus ante o quadro perfeito que está diante dos nossos olhos. Andemos em louvor e adoração agradecendo a bênção de poder contemplar e desfrutar das maravilhas que nos são oferecidas por Deus.
Léo Lima