COMUNIQUE

Seja Bem vindo! Nossa meta é anunciar Boas Novas! Léo Lima
Precisamos decidir em como ser valiosos, em vez de pensar o quão valiosos somos. Filosofia chinesa

Aflições vindas das Mãos Soberana São bênçãos disfarçadas! (Adam Clarke)

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

FORÇA

"Dá-nos forças novamente e assim farás o teu povo ficar alegre novamente." (Salmos 85.6 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

Após um dia de intensas atividades, sejam elas físicas ou mentais, o corpo sente-se prostrar ante o cansaço que chega. Este é o dia em que é preciso renovar as forças. Se elas não chegarem nós não teremos condições de continuar mais um dia de labor. Mas o maior cansaço é quando aflições atormentam nossa vida não nos deixando em paz.

O salmista está pedindo a Deus que renove as forças do povo ante as aflições presentes. Vejamos o que o salmista fala adiante: "Mostra-nos, Senhor, a tua misericórdia, e concede-nos a tua salvação. Escutarei o que Deus, o Senhor, disser; porque falará da paz ao seu povo, e aos seus santos, contanto que não voltem à loucura. Certamente que a salvação está perto daqueles que o temem, para que a glória habite em nossa terra." (Salmo 85.7-9). Esta oração já basta para aliviar qualquer cansaço que se possa sentir. A esperança que o servo de Deus sentia mostra-nos que desde o momento em que pedimos forças a Deus, logo temos o alívio advindo do Pai.

Temos aí demonstrado que quando se faz uma petição a Deus logo a resposta vem. A fé concede ao que crê uma resposta imediata. O profeta Isaías declara que: "Mas os que esperam no Senhor renovarão as suas forças, subirão com asas como águias; correrão, e não se cansarão; caminharão, e não se fatigarão." (Isaías 40.31). Esperar em Deus é ter fé. É aguardar sabendo que o que se pediu acontecerá, segundo a vontade de Deus. É sentir as forças sendo renovadas a cada dia.

"Dá-nos forças novamente e assim farás o teu povo ficar alegre." Você já pediu forças a Deus para continuar quando tudo o mais parece impossível? Crê que Deus pode realizar aquilo que para você parece impossível?

É isto mesmo. Deus pode fazer o que para você parece impossível. Ele é o Deus dos impossíveis. Se existe algo em sua vida que nada consegue aliviar é que somente Deus pode renovar as suas forças. Confie no Senhor e entregue sua vida a Ele.
Léo Lima

terça-feira, 29 de novembro de 2011

AMIGO

Hoje compartilho outra das poesias que nasceu em meu coração na década de 1970. Ela é uma das composições do livro 'Vê'. Que Deus fale ao seu coração neste dia e que seja um dia abençoado.  
"O homem que tem muitos amigos pode congratular-se; mas há amigo mais chegado que um irmão". Provérbios 18:24.
 
 
Nas longas caminhadasDesta vidaAs jornadas,
As desditas...
Nos tropeços,
Com apreço,
Vejo um amigo!...
Que auxilia na agonia...
Quando cerca a desdita
Dá-me um presente
E se ausenta...

Vejo um amigo!...
Que acompanha
Sem artimanhas,
Prestativo, sempre ativo
Com solicitude
Em franca atitude;
Mas em seu pequeno egoísmo,
Me acompanha ameno...
Até à porta do abismo...

Vejo um amigo!...
Que comigo chora...
Que comigo sofre...
Que na hora me defende
De morte horrenda!
É o amigo certo!
É Cristo ressurreto!
De ontem, hoje, agora.
Bem de perto sem demora
Me protege...
É o amigo mais chegado que um irmão!...
Amigo certo que no mundo incerto
Dá-me a mão!...
Léo Lima

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

OUTROS

"Assim, quando fomos batizados, fomos enterrados com ele por termos morrido junto com ele. E isso para que, como Cristo foi ressuscitado pelo poder glorioso do Pai, asssim também nós vivamos uma vida nova." (Romanos 6.4 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

Muitos de nós sonhamos com uma vida nova. Uma casa cheia de coisas bonitas, com televisão bem grande e outras tantas coisas. Os sonhos ocupam um espaço grande em nossa vida. Mas às vezes nos pegamos a sonhar acordados com coisas simples e que, parecem, fariam nossa vida mais feliz.

Quando os nossos sonhos se modificarem e passarmos a sonhar semelhante a Frank Thomas: "Quantos há que readquiriram gosto pela vida, bom ânimo e valor para enfrentar a existência desde o dia em que se esqueceram de si mesmos, para se dedicarem a pessoas mais infelizes." teremos este gosto pelo bem estar de outras pessoas, e este estado de ânimo nos leva a viver a mensagem de Cristo que um dia aceitamos. No mais, outras coisas são sonhos, apenas sonhos que podem se tornar realidade ou não.

Entretanto, o mais importante é quando colocamos nossos sonhos, acima de qualquer coisa, voltados para que o reino de Deus cresça através das nossas vidas. Quando nossos sonhos se transformam no desejo ardente de vermos muitas pessoas agregarem-se ao reino de Deus, e isto através de nossas vidas, podemos sentir a alegria que existe no céu por todos que se aproximam de Deus.

O texto inicial convida a uma vida nova. Através dele podemos constatar que os salvos por Jesus Cristo, já vivem em novodade de vida. Estas pessoas possuem sonhos, como todas as outras, que precisam se diferentes pois eles precisam ser um desejo ardente de ver pessoas serem salvas por Jesus.

E você já vive esta vida nova? Já sentiu que seus pecados foram enterrados com Jesus Cristo e que a sua vida agora é dele? Jesus quer que vivamos em novidade de vida. Este é o momento. Jesus quer falar ao seu coração.
Léo Lima

domingo, 27 de novembro de 2011

VIDA VIVA

"Assim também vocês devem considerar-se como mortos para o pecado, mas vivos para Deus, por estarem unidos com Cristo Jesus." (Romanos 6.11 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

Não é pretensão nenhuma a pessoa desejar considerar-se morta para este mundo, apesar de viver e precisar realizar muitas coisas para sobreviver. Jesus mesmo disse: "Não os tires do mundo mas livra-os do mal". Estas palavras Jesus proferiu em uma oração que fez por todos os que viriam a crer nele. Portanto, considerar-se morto para o mundo, é fazer somente o que Deus deseja que façamos. E quando estamos praticando a vontade de Deus, é sinal que estamos buscando viver para Ele e unidos no amor de Cristo Jesus.

"Trinta raios unidos no cubo da roda! Mas o valor da roda dependerá do mancal em que gira o eixo. " (Máxima do Tau-Te-king). Se em nossa vida terrena não estivermos dependendo do mancal em que o eixo da Igreja gira, Jesus Cristo, não estaremos unidos como é desejo de Deus, o Pai. Portanto, se, de fato, estivermos mortos para as coisas do mundo e unidos no propósito de servir ao Senhor, logo estaremos vivos para Deus. Se estivermos unidos com um propósito de viver para Deus, teremos grandes alegrias e paz.

Sem querer ser mais que outras pessoas, mas ambicionando falar-lhes deste amor imensurável é que procuramos nos unir cada vez mais ao Senhor. O desejo de estar unido a Cristo deve ser maior que todas as ambições do crente. Jesus, ainda hoje convida-nos a andarmos com ele e a estarmos como que mortos para as coisas deste mundo, ou seja, procurando fazer a vontade de Deus. O reaultado desta atitude é a qualidade de vida que podemos viver com Jesus e que supera toda e qualquer expectativa que possamos ter.

Você consegue pensar em viver como que morto para as coisas deste mundo? Se consegue é porque seu objetivo de vida é para chegar-se a Deus. Entregue sua vida ao Senhor e Ele fará com que se una, em todas as circunstâncias, a Deus, o Pai.
Léo Lima

sábado, 26 de novembro de 2011

VIVENDO NO ESPÍRITO

"Desse modo todos nós chegaremos à unidade na nossa fé e do nosso conhecimento do Filho de Deus. E assim seremos pessoas maduras, pois cresceremos até alcançar a altura espiritual de Cristo." (Efésios 4.13 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

"O crente tem tudo do Espírito Santo, mas o Espírito nem sempre tem tudo do crente. Sua presença é expressiva. Ele enche somente o crente que estiver vazio do egoísmo e do pecado." (Thomas P. Simmons). A altura espiritual de Cristo é justamente esta: estar vazio de egoísmo e de pecado. Para se viver na plenitude de Cristo é justamente isto que o crente deve cultivar: procurar esvasiar-se do egoísmo e libertar-se do pecado.

Conhecer o Filho de Deus é mais do que saber que o Seu nascimento foi glorioso. É mais que saber que Ele realizou muitos milagres enquanto esteve neste mundo. É mais que ter conhecimento da Sua morte na cruz do calvário. É mais que saber que no terceiro dia Ele ressuscitou dos mortos. É mais que saber que o mundo em que vivemos tem seu marco histórico no Antes e Depois de Cristo. É mais que tudo isto! Conhecer o Filho de Deus, Jesus Cristo, é ter uma alegria interior maior que todas as coisas. É crer que Ele pode modificar a vida da gente! É perceber que é possível mudar e sentir que ele proporciona alegria indescritível.

Desde que o ser humano aceita a salvação através da sua crença em Jesus Cristo como Filho de Deus e Salvador do homem, logo o Espírito Santo toma conta desta vida e ele passa a afastar-se cada vez mais das angústias que afligem o ser humano. A partir daí ele começa a crescer para alcançar a plenitude de Cristo.

Você já vive este estado? Ou ainda tem um pouco de egoísmo e de pecado em sua vida? Cristo quer fazer com que sua vida seja plena do amor de Deus por Jesus Cristo. Assim, o Espírito Santo de Deus terá liberdade para dar tudo o que seu coração deseja.
Léo Lima

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

SER FORTE

"Escrevo a vocês, filhinhos, porque conhecem o Pai. Escrevo a vocês, pais, porque conhecem aquele que existiu desde a criação do mundo. Escrevo a vocês, jovens, porque são fortes. A mensagem de Deus vive em vocês, e vocês já venceram o diabo." (I João 2.14 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

Ser forte. Esta é uma ambição de quase todos os meninos. Eles desejam ser fortes como o seu pai. O apóstolo João, o mais jovem dos discípulos era tido como aquele 'queridinho' por Jesus, escreve aos crentes de todas as idades, e ele denomina cada um com muito carinho. O amor demonstrado por João é claro nestas palavras escritas: "Escrevo a vocês, filhinhos, porque conhecem o Pai. Porque conhecem aquele que existiu desde a criação do mundo. Jovens, porque são fortes. A mensagem de Deus vive em vocês, e vocês já venceram o diabo." Para os jovens a força que ele fala não é um físico cheio de músculos. Mas sim a força espiritual que todos os cristãos precisam ter. Porque vocês são fortes já venceram o inimigo das nossas almas.

Isto sim é que é força. Vencer as obras malígnas. Ter forças para derrotar todas as tentações que nos perseguem. Ele diz, filhinhos, vocês são fortes, desde que estajam seguros nas mãos de Deus. Aos pais, ele se dirigiu como se eles conhecessem o Pai desde a criação do mundo.

Nós deveríamos, de fato, estar familiarizados com Deus em profundidade. Conhecer a Deus através da gratidão por muitos benefícios que temos recebido Dele. Nutrir uma fé que sempre crescente em nossas vidas e, através do seu amor demonstrado por seu Filho, Jesus Cristo, na cruz do calvário, buscar ter um íntimo relacionamento com o Senhor. Temos aceitado que Jesus veio cumprir o plano redentor de Deus e, em obediência ao Pai, concordou em morrer por todos nós e por nossos pecados. É Ele que está à direita do Pai intercedendo a nosso favor.

Filhinho, você conhece o Pai? Pai, você conhece e acredita naquele que existiu desde a criação do mundo? E você jovem, é forte porque a sua força vem de Deus? A mensagem de Deus vive em você? Se sua vida tem esta força, louvado seja Deus por isso. Se ainda não vive assim, creia que Jesus pode fazer a diferença em você.
Léo Lima

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

ALIMENTO

"Na verdade, irmãos, eu não pude falar com vocês como costumo fazer com os que têm o Espírito de Deus. Tive de falar com vocês como se fala com as pessoas do mundo, como se vocês fossem crianças na fé cristã. Tive de alimentá-los com leite e não com comida forte porque vocês não estavam prontos para isso. E ainda não estão prontos, pois vivem como se fossem pessoas deste mundo." (I Coríntios 3.1,2 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

O apóstolo Paulo estava escrevendo aos crentes de Corinto e exemplificava como eles deveriam fazer para crescer espiritualmente, pois a atitude que eles demonstravam era de crianças na fé. Ele recorda que se eles estivessem buscando conhecer mais ao Senhor, seria diferente o tratamento que receberiam. Se a criança não é alimentada diariamente ela não vai desenvolver o necessário para a vida adulta. Assim é que, o crente que se deixa alimentar somente por leite, e esse leite, muitas vezes, não é diário, ele não chegará à maturidade cristã.Ou seja, não se aprofundar na Palavra de Deus.

Paulo falou aos crentes que ele os estava tratando como a crianças. A mudança, que deve ocorrer na vida da pessoa salva por Jesus Cristo, deve ser nítida aos olhos humanos. E mesmo depois de muito tempo ele os tratava como tais como pequeninos que precisam da comida dada pelo adulto assim a mudança ocorreria de forma gradativa. Esta palavra de Paulo reforça a necessidade de uma mudança concreta na vida da pessoa que aceita a salvação. Ela precisa se alimentar para ter um aprofundamento no conhecimento de Deus.

Em nosso dia-a-dia é preciso que busquemos a Palavra de Deus, a Bíblia, e procuremos nela o alimento que nos sacia. "Nós continuaremos famintos, a não ser que nos alimentemos diariamente do pão dos céus." (Daniel H. Mundt). Portanto, a Palavra de Deus é o pão do céu que nos alimenta. Jesus Cristo, que é o centro da Palavra de Deus, é o alimento que supre todas as nossas necessidades espirituais.

E você, já vive o seu dia-a-dia com Deus? Já procura se alimentar da Palavra de Senhor? Este é o momento. Deixe Jesus fazer a mudança. Com Sua Ele alimenta os corações famintos de amor.
Léo Lima

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

NASCIMENTO

"Disse-lhe Nicodemos: Como pode um homem nascer, sendo velho? porventura pode tornar a entrar no ventre de sua mãe, e nascer? Jesus respondeu: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer da água e do Espírito, não pode entrar no reino de Deus. O que é nascido da carne é carne, e o que é nascido do Espírito é espírito." (João 3.4-6).

Um grande debate é o da reencarnação, especialmente quando se lê este trecho da Bíblia. Mas, o novo nascimento é como uma ventania quando o vento passa por mais furioso esteja não é possível para nós visualizá-lo. Entretanto, seus efeitos ficam muito visíveis através dos estragos deixados no seu caminho. Nascer de novo, também é um acontecimento que não podemos obter por nossos próprios esforços. E suas marcas são visíveis.

O ser humano nasce somente uma vez na carne, em seu estado físico, mas ela pode nascer de novo, espiritualmente falando. Quando uma pessoa entrega sua vida a Jesus ela nasce para a vida eterna.

Talvez por ser tão simples é que Jesus disse: "Jesus ficou muito alegre e disse: Ó Pai, Senhor do céu e da terra! Eu te agradeço porque tens mostrado aos que não são instruídos aquilo que escondestes dos sábios e dos instruídos. Sim, Pai, isso foi feito pela tua própria escolha e vontade." (Lucas 10.21). Crer que Deus pode dar a vida eterna é um ato de fé. Não é necessário ser letrado. Ter grandes conhecimentos linguísticos. A fé é um exercício diário que impulsiona a pessoa a caminhar em direção a Deus. Talvez as pessoas que são por demais instruídas não consigam crer, pois elas procuram a razão, a lógica. Outros buscam algo mais complexo e não se satisfazem com a simplicidade da mensagem da salvação. Crer e aceitar o amor de Deus por nós é o segredo. O novo nascimento se dá quando a pessoa crê em Cristo e O reconhece como Salvador.

E você, está entre os que acham que basta crer no amor infinito de Deus para nascer de novo? Este é o momento apropriado: Deus quer dar-lhe a nova vida qie é eterna através de Jesus Cristo.
Léo Lima

terça-feira, 22 de novembro de 2011

BANDEIRA

"Os mansos verão isto, e se alegrarão; o vosso coração viverá, pois que buscais a Deus." (Salmos 69.32).

Um coração redivivo é aquele que tem a mansidão como bandeira. Ser manso é ser tranquilo, calmo. Ser manso tem como consequência a alegria. As pessoas mansas são alegres. A vida é parte dominante desses corações. Vida que possui a vida eterna. "Se partilhas o teu pão, ele diminui; se partilhas o teu teto, ele não diminui; se partilhas a tua alegria, ela aumenta." (Francisco de Assis). É justamente neste ponto que as pessoas mansas têm, a cada dia, o seu crescimento. Estas pessoas mostram que a alegria vem de Deus e compartilham da sua mansidão e alegria contagiando as pessoas ao seu redor. Visto que a alegria é parceira da mansidão.

"Meus amigos, rogai a Deus alegria. Sede agradecidos como as crianças, como as aves do céu." (Dostoievski). Este pensamento está interligado às palavras que Jesus proferiu: "Se não tendes fé, peça-a a Deus". Jesus foi uma pessoa alegre. Ele se entristecia com coisas que desegradam a Deus e que as pessoas ao seu redor viviam praticando. Sabemos que uma pessoa alegre contagia aqueles que estão próximos. E muito mais se é da genuína alegria que vem de Deus.

Se estamos passando por dificuldades, é preciso lembrar que as crianças, quando sofrem, confiam em que o seu pai vai solucionar o seu problema. A ave quando levanta vôo sai como se o céu fosse - e É -o mais belo lugar do mundo. Assim nós devemos nos comportar, crer que Deus pode solucionar todas as coisas que possam estar atrapalhando nosso relacionamento com Ele. Devemos crer que temos que alçar vôo que nos levam à presença santa de Deus.

E você, como está vivendo? Como está o seu coração? Ele é manso? Jesus deseja ver seu coração redivivo e para que isso ocorra é preciso sua permissão para que Jesus faça a transformação. Ouça Jesus. Ele quer somente que você desfrute de uma vida abundante de alegria.
Léo Lima

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

NÃO VIVO EU

"Assim já não sou eu quem vive, mas Cristo é quem vive em mim. E esta vida que agora vivo, eu a vivo pela fé no Filho de Deus, que me amou e se deu a si mesmo por mim." (Gálatas 2.20 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

Já não sou eu quem vive - Cristo vive em mim. Que maravilha poder fazer esta afirmativa. Paulo chegou a um estágio em sua vida em que pôde fazer esta declaração. Jesus Cristo vivia nele de forma total.

Esta deve ser a ambição que o cada um deve ter. Ter a vida totalmente na dependência de Jesus. Paulo disse que a vida que ele vivia era somente pela fé no Filho de Deus. A forma de viver do apóstolo deve ser a principal meta! Ele faz a afirmação de que foi o amor de Jesus que modificou todo o seu viver desde seus sentimentos, pensamentos até as menores coisas do dia a dia. Foi Jesus quem primeiro deu-se a si mesmo na cruz do calvário, Ele sujeitou-se à morte de cruz para nos libertar.

Para falarmos sobre a vida vamos ver o que o pensador Marco Aurélio disse: "Mesmo que tenhas de viver muitos anos, lembra-te de que ninguém perde outra vida, senão aquela que está vivendo, nem vive outra, senão a que perde." E o teólogo Paul Tilich falou: "A vida é superficial. O próprio ser não passa de superfície. Quem conhece a profundidade conhece a Deus." São duas colocações que nos levam a comparar as palavras iniciais de Paulo. O primeiro mostra a importância de prestar atenção na vida que se vive hoje.O segundo mostra que somente aquele que está em Deus, que tem íntima comunhão com Ele é que adentra na profundidade da vida em Deus. "Eu a vivo pela fé no Filho de Deus, que me amou e se deu a si mesmo por mim." O apóstolo Paulo procurou viver de tal maneira que penetrou totalmente as profundidades das riquezas de Deus. Deus nele foi o que sentiu. Uma vida totalmente entregue nas mãos de Deus.

E você, como pode falar sobre a sua vida? Ainda vive na superficialidade, ou já aprofundou-se nos recônditos em que Deus está? Deus deseja que você compartilhe da vida eterna, e para isso é necessário que deixe Jesus viver em você.
Léo Lima

domingo, 20 de novembro de 2011

ÁGUA

"Todos comeram a mesma comida espiritual e beberam a mesma bebida espiritual. Pois bebiam daquela rocha espiritual que ia com eles, e a rocha era Cristo." (I Coríntios 10.3,4 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

"Ora, irmãos, não quero que ignoreis que nossos pais estiveram todos debaixo da nuvem, e todos passaram pelo mar. E todos foram batizados em Moisés, na nuvem e no mar." (I Coríntios 10.1-2). Neste texto o apóstolo Paulo exemplifica e lembra a maneira como alguns judeus haviam agido no passado. Quando o povo judeu estava de saída do Egito e Deus estava lhes dando a liberdade. Eles tentaram a Deus e por isso Deus não se agradou da maior parte deles. Por esta razão a maioria deles morreu no deserto.

Estar com Jesus. Que privilégio! Andar com Jesus, privilégio maior! Nós, que podemos fazer todas as coisas da nossa vida sempre ao lado de Jesus, somos privilegiados. As recomendações de Paulo chegam até nós com mais força pois temos experimentado viver e usufruir da presença de Jesus. O manjar espiritual que desfrutamos a nada se compara. Havemos de viver cada vez mais usufruindo uma vida cheia de alegrias e bênçãos espirituais. Nada pode ser comparado ao bem estar que o crente desfruta.

O texto inicial nos lembra que ao andarmos com Jesus sentimos como é grande o amor que Deus tem por nossas vidas. Ao bebermos da água que mata a sede espiritual, sentimos que não teremos mais necessidade alguma, pois o que antes nos atormentava, agora nos foi outorgado em alegrias espirituais. Deus, por nos amar, enviou Jesus Cristo, seu Filho para que nos firmássemos na rocha eterna que é Ele mesmo.

Você já conhece Jesus? Conhecer não só de ouvir falar. Já bebeu da água que mata a sede definitivamente? Já anda com Jesus? Se ainda não está vivendo estas coisas, apresse-se. Entregue sua vida a Jesus que Ele satisfará sua sede e estará com você a cada passo que der. Una-se a ele agora.
Léo Lima

sábado, 19 de novembro de 2011

ENTREGAR

Neste dia compartilho mais uma das minhas poesias, desta feita é do livro 'Vê'. Ela foi escrita baseada em Gênesis capítulo 22 em que Deus pede a Abraão para sacrificar seu filho Isaque. Confira na Bíblia. Deus deseja que deixemos definitivamente as coisas a que nos apegamos tanto e pede exclusividade de cada um. Que Ele fale ao seu coração.

ENTREGAR
 "Entrega o teu caminho ao Senhor:
Confia Nele, e Ele tudo fará." (Salmo 37.5)
Entregar.
É tão difícil!
Somente uma grande fé,
Como o homem, que na velhice,
De Deus recebeu um filho.
Abraão.
Singular exemplo,
No patriarca contemplo!
Que ao receber
E agradecer,
Prontificou-se a entregar
TUDO sem restrições,
Lamentações, oposições.
Exemplo de fé!
Que sustenta, que alimenta,
Que acalenta, nada comenta!
Fé singular
Que a seu filho,
Foi imolar!...
- Pai, onde o cordeiro?
- Filho, Deus proverá!
"Entrega o teu caminho ao Senhor..."
Bruscamente ao olhar descobre
Como gesto nobre
De Deus o carneiro
De Deus a resposta,
O sustentáculo.
De Deus a salvação!
O holocausto da fé
Com maior emoção foi oferecido.
O culto da gratidão!
"Entrega o teu caminho ao Senhor..."
Entrega hoje.
Entrega agora.
Sem demora alimenta a fé.
Ele quer-te de pé...
Andando, seguindo.
Em caminhos mesmo de espinhos.
Entrega ao Senhor.
Descansa no Senhor.
Deposita Nele o teu amor...
E Ele tudo fará.
Ele te susterá.
Ele acrescentará.
Com a fé que sustenta
Tua alma sedenta, cansada...
Ele saciará1
Alívio concederá!
Entrega! Confia!
Que Ele completará!...
Léo Lima

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

FONTE

"O temor do Senhor é uma fonte de vida, para preservar dos laços da morte." (Provérbios 14.27).

"Embora os homens sejam acusados de não conhecerem suas próprias fraquezas, talvez a maior parte ignore também sua própria força." (Jonathan Swift). A fonte é um lugar onde nasce a água. Muitas vezes se olharmos para um estreito fio de água que nasce e seguirmos sua trilha pela mata afora, veremos bem longe que este fio vai se transformando em caudaloso rio. Os homens, por não terem muita noção de suas fraquezas, não conseguem compreender sua força ante o desconhecido. Ante um desafio que se depara aos seus olhos. As suas fraquezas ele procura ocultar de si mesmo, não desejando conhecê-las.

O sábio disse que é necessário ter temor do Senhor que logo a pessoa terá uma fonte de vida. O ser humano não consegue imaginar a porção de vida que irá surgir ante seus olhos extasiados quando ele teme ao Senhor. Como uma pessoa que após alguns anos de vida vê-se limitado por um acidente e passa a ter uma deficiência que antes lhe era totalmente ignorada. Vem então o maior de todos os desafios. Fazer o que fazia antes, quando possuía todas as faculdades em perfeita harmonia, e pouco valor dava à sua vida. Entretanto, quando o novo acontece, ele tira forças de algum lugar escondido em seu interior e passa a ter uma nova forma de encarar a vida. Tudo é mais bonito!

Diz o sábio, que quando se tem o temor de Deus, ele será preservado dos laços da morte. Deus vai livrar seu filho de uma forma total. Ele é a fonte de vida que não temos naturalmente. Logo veremos que temos uma força incomum, e que nada pode fazer com que sejamos pegos de surpresa. Temos uma fonte para a vida. Deus está a nos guardar e a nos contagiar com seu poder.

Você conhece sua força? Conhece suas fraquezas? Deus, o nosso Pai, está pronto a nos dar da fonte da vida que nos mostrará o caminho para a vida eterna. Aproxime-se de Jesus Cristo e sua vida será mais feliz.
Léo Lima

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

LIBERTAÇÃO

"Porque vocês já morreram, e as suas vidas estão escondidas com Cristo, que está unido com Deus." (Colossenses 3.3 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

"Quando morremos, deixamos atrás de nós tudo que temos, e levamos conosco tudo que somos." (Dr. Amos J. Tarver). As palavras do apóstolo Paulo aos crentes de Colossos bem expressam o pensamento inicial. Nós, que já morremos para os nossos delitos e pecados, por Jesus Cristo, levamos para a vida eterna tudo que somos. O que temos não é nosso e não nos será de nenhuma utilidade na vida futura.

Se nossa vida está escondida em Cristo, logo estamos unidos a Deus , como diz Paulo. Existe melhor coisa para esta vida do que estarmos unidos a Deus? Existe algo que o cristão deve ambicionar mais do que estar em prefeita comunhão com o Pai? Se temos garantida a vida eterna por Jesus Cristo, logo temos a certeza de que a vida que aqui vivemos é a mais completa que se pode desejar. É uma vida cheia de paz e do perdão que Deus nos concede por Jesus Cristo.

Ao aceitarmos a salvação outorgada pelo Filho temos que: "Mortificai pois os vossos membros, que estão sobre a terra: a prostituição, a impureza, o apetite desordenado, a vil concupiscência, e a avareza, que é idolatria. Quando Crsito, que é nossa vida, se manifestar, então também vós vos manifestareis com ele em glória." (Colosenses 3.5,4). Tudo o que nos ocupa a mente deve ser levado para ser colocado ante o altar do Senhor. Devemos deixar que todas as coisas que nos perturbam sejam mortificadas pelo amor de Jesus. Quando Cristo se voltar nós seremos manifestos por Ele em glória. É preciso deixar todas as coisas que possam perturbar nosso relacionamento com Jesus.

E você, já sabe como deixar que Jesus assuma o comando da sua vida? Ele pode fazer coisas novas em mim e em você. Poderemos ser glorificados com Ele diante de Deus, o Pai. Você deseja estar dependendo de Jesus? Entregue todas as suas aflições e tribulações para que o Senhor o liberte totalmente.
Léo Lima

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

A LETRA MATA

"O qual nos fez também capazes de ser ministros dum novo testamento, não da letra, mas do espírito; porque a letra mata, e o Espírito vivifica." (II Coríntios 3.6).

O texto acima diz que a letra mata e o Espírito vivifica. Assim vemos que: "A cultura é boa; o gênio é brilhante; a civilização é uma bênção; a educação é um grande privilégio; mas, mesmo assim, podemos ver vilões educados. A coisa que mais necessitamos, acima de tudo, são os dons do Espírito Santo." (John Hall). Não que não devemos buscar o conhecimento, muito pelo contrário. Devemos utilizar deste conhecimento para buscarmos cada vez mais o Senhor.

Necessário se faz buscar esta grandiosa bênção: os dons do Espírito Santo de Deus. O apóstolo Paulo mostra que o mesmo Deus que fez dos primeiros cristãos ministros de uma nova aliança por Jesus Cristo tem-lhes dado o poder de serem direcionados pelo Espírito Santo que vivifica e não pela letra que tantas vezes mata.

Lembramos que Deus prometeu que faria um novo concerto, um novo pacto desde que o homem se afastou dele no jardim. (Gn. 3.15). A primeira vez que Deus se comprometia em restaurar a antiga intimidade que havia entre o Criador e sua criatura. Outras vezes, diante de tanta maldade reinante Deus após castigar o povo pecador fez outros pactos como após o dilúvio quando colocou no céu o arco-íris que serviria ao homem para se lembrar que Deus estaria com este povo.

As alianças que Deus fez com seus servos no passado estavam firmadas com todos aqueles que criam no poder redentor, a nova aliança, Jesus Cristo. Os apóstolos estavam divulgando esta nova aliança e Paulo era o maior defensor que havia. Por isso, quando escreve para os crentes de Corinto, ele fala que a letra mata mas o Espírito vivifica. O Espírito de Deus é que outorga todo poder Ele age em nós e a favor de nós. Visto que Ele intercede diante de Deus com gemidos, dependendo da nossa situação.

Você reconhece esta nova aliança em Jesus Cristo? Já acredita no poder que o Espírito Santo dá a todo que aceitar a salvação? Jesus Cristo está oferecendo todo poder, pois Ele mesmo disse: "Todo poder foi-me dado nos céus e na terra." Ele oferece agora para você esta oportunidade: a de ser salvo.
Léo Lima

terça-feira, 15 de novembro de 2011

NOVA VIDA!

"Porei a minha respiração neles e os farei viver novamente e os deixarei morar na sua própria terra. Aí ficarão sabendo que eu sou o Eterno. Prometi que faria isso e farei. Eu, o Eterno, falei." (Ezequiel 37.14 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

No capítulo 37 do livro de Ezequiel, pode-se constatar que um milagre está por acontecer. Deus levou o profeta a um vale cheio de ossos velhos e secos. Deus ordenou que Ezequiel falasse com os ossos e eles se tornaram pessoas viventes. Assim viveu o profeta que depois descreveu o milagre com detalhes. Deus estava mostrando que Ele, somente Ele é o Senhor dos céus e da terra poderoso Deus. Quando se lê este acontecimento, sente-se a grandiosidade de Deus e todo o seu poder. É Ele, o Eterno, quem está comandando todas as coisas e que é o Deus único e triúno.

"As torres ultrapassam as lanças; os altares são mais permanentes que os armamentos; a liberdade, a verdade e o amor são invencíveis. Pertencem ao estofo da Eternidade." (Joseph R. Sizoo). Tudo que o pensador declara ser invencíveis, como a liberdade, a verdade e o amor vêm de Deus e é parte essencial Dele.

E Ele, com seu poder e magnitude, mostra que é possível transformar um monte de ossos secos em vidas. "Porei a minha respiração neles e os farei viver novamente ... Prometi que faria isso e farei. Eu, o Eterno, falei." Portanto, quem faz as coisas milagrosas acontecerem é Deus o Criador de todas as coisas. Suas promessas são fielmente cumpridas. Deus, Pai de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, nos restitui a vida; de vidas sem vida, sem viço, sem razão de viver, em vidas transformadas e vivas para a vida eterna.

Você já parou para pensar que Deus pode fazer da sua vida uma outra vida? Pode transformar sua maneira de viver, muitas vezes apática e sem vida em uma cheia de vida. Como se fora um bravo soldado que vai para a guerra cheio de esperança, assim é todo aquele que o Senhor transforma e coloca nova vida. Novo sopro de vida para a vida eterna com Ele.
Léo Lima

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

TOQUE

"Foi assim que ele mostrou o seu amor por nós: ele mandou o seu único Filho ao mundo para termos vida por meio dele." (I João 4.9 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

"A maior felicidade da vida é a convicção de sermos amados, amados por nós mesmos, ou, ainda melhor, apesar de nós mesmos." (Victor Hugo). Foi justamente assim que Deus nos amou. De forma total. Independente de nós mesmos. Nós que temos amor natural inconsistente. Nós que somos ingratos. Nós que por nós mesmos, não sabemos como nos amar nem amar os outros. "Faze tudo desinteressadamente, por puro Amor, como se não houvesse prêmio nem castigo." (J. Escrivá de Balaguer). E foi justamente Deus, que de forma incondicional nos amou com o interesse de restabelecer Sua comunhão conosco. Se dependêssemos de amar de forma totalmente desinteressada, o que seria de nós? Deus mostrou a sua forma de amar, desprendendo-se do seu único Filho para que por Ele tivéssemos vida! Que amor!

O amor e o poder que Deus outorgou ao Seu Filho, Jesus Cristo, supera a tudo que de normal pode haver. É possível recordar o fato que aconteceu quando Jesus se preparava para falar a uma grande multidão: "E foi com ele, e seguia-o uma grande multidão, que o apertava. E certa mulher, que havia doze anos tinha um fluxo de sangue, e que havia padecido muito com muitos médicos, e dispendido tudo quanto tinha, nada lhe aproveitando isso, antes indo a pior; ouvindo falar de Jesus, veio por detrás, entre a multidão, e tocou no seu vestido. Porque dizia: Se tão somente tocar nos seus vestidos, sararei. E logo se lhe secou a fonte do seu sangue; e sentiu no seu corpo estar já curada daquele mal. E logo Jesus, conhecendo que a virtude de si mesmo saíra, voltou-se para a multidão, e disse: Quem tocou nos meus vestidos?... E ele lhe disse: Filha, a tua fé te salvou; vai em paz, e sê curada." (Marcos 5.24-34). Tamanho poder só pode ser amor. O amor de Deus em Jesus dava-lhe todo poder no céu como na terra. E era impossível alguém que ao receber deste amor, saísse indiferente.

Como no passado, Jesus agora deseja tocar sua vida e dar todo amor que você precisa. Receba este toque que lhe fará mudar todo o curso da sua vida. O amor de Deus em você dará a vida eterna por Jesus.
Léo Lima

domingo, 13 de novembro de 2011

COMUNHÃO

"Antigamente vocês estavam espiritualmente mortos por causa dos seus pecados e porque não eram circuncidados. Mas agora Deus os ressuscitou, junto com Cristo. Ele perdoou todos os nossos pecados." (Colossenses 2.13 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

Jesus Cristo, ao morrer na cruz do calvário, deixou lá todos os nossos delitos e pecados. O apóstolo Paulo, na sua carta aos crentes de Colossos, lembra da cena e do resultado deste sacrifício único. Antes de Jesus Cristo, estávamos mortos no pecado. Depois de aceitar o sacrifício remidor, temos o perdão completo por Cristo Jesus. A vida depois da salvação passa a ter maior significado para nós.

Deus nos criou para termos perfeita comunhão com Ele. Mas foi justamente a desobediência que tirou esta comunhão fraterna. Desde então Deus planejou que deveria enviar ao mundo Seu único Filho, Jesus Cristo, para restabelecer a comunhão perdida.

O perdão é um sentimento difícil de se praticar. Silvio Pálido disse: "Perdoando uma injúria recebida, podemos transformar um inimigo em amigo e o perverso em varão de nobres sentimentos." Os efeitos do perdão podem ser a solução para um mundo melhor.

Deus dá o perdão a todos que reconhecem o Seu amor demonstrado quando enviou seu Filho Jesus Cristo para, restaurar este vínculo feliz. Portanto, é necessário crer neste acontecimento que marcou a humanidade. Crer que Jesus Cristo pode perdoar todos os pecados pelo sacrifício remidor na cruz do calvário. "Antigamente vocês estavam espiritualmente mortos... Mas agora Deus perdoou todos os nossos pecados." Restaurando a comunhão inicial perdida no Édem.

Você já desfruta deste perdão, desta comunhão? Se ainda não, é preciso aproximar-se da cruz e derramar seu coração contrito como manifestação do seu arrependimento. Fale a Ele o que você está sentindo.
Léo Lima

sábado, 12 de novembro de 2011

HONRA E GLÓRIA AO SENHOR!

Bom dia! Ontem o blog Comunique foi presenteado ao atingir a marca dos 10.000 acessos. Louvado seja Deus por todas as coisas que Ele tem feito. O objetivo é que mais pessoas tenahm acesso a reflexões que falam do amor divino para com cada um de nós. Desta forma resolvi colocar uma mensagem que fala deste sublime amor para conosco e que move nossas vidas. Deus abençoe a cada um que compartilha conosco deste espaço. Toda a honra e glória sejam dadas a Deus o Pai, ao Filho e ao Espírito Santo que atua nas nossas vidas.

"Sabemos que já passamos da morte para a vida e sabemos isso porque amamos nossos irmãos. Quem não ama ainda está morto." (I João 3.14 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

Amor, sentimento maior para o ser humano. Jesus disse que o primeiro e o segundo maiores mandamentos são: "Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento. Este é o primeiro e grande mandamento. E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo." ( Mateus 22.37-39). O amor a Deus está sobre todas as coisas, e a força com que temos de amar é: "de todo o coração, de toda a alma, e de todo o pensamento" pois Deus é amor e foi justamente ele quem nos amou primeiro. Deus é vida. Portanto, amor é vida. É necessário colocar coração, alma e pensamento para amarmos a Deus da forma ideal. Aí sim, teremos o amor, teremos a vida!

O segundo maior mandamento é amar ao próximo como a si mesmo, ou seja: como eu me amo devo amar ao que está perto de mim. Jesus disse que este amor deve ser semelhante ao amor a Deus. Portanto, devemos nos amar de coração, alma e pensamento, para então termos condições de amar ao nosso próximo da mesma forma.

O apóstolo João afirmou que: "...Quem não ama a seu irmão permanece na morte." (I João 3.14). Quando vemos uma pessoa que perdeu o amor a si mesma, percebemos que para ela nada mais importa, nada tem valor. A morte será alívio. Portanto, precisamos estar atentos quanto ao amor pelo nosso próximo para que possamos estar vivos. Mas se temos amor a Deus, amor a nós mesmos, logo teremos amor àqueles que nos cercam. Deus é amor. Amor que dá vida. Se temos amor o amor de Deus em nós, logo temos a vida. Precisamos estar com nosso coração e nossa alma repletos de amor.

Deus quer lhe dar muito amor. Ele está esperando por você para dar Seu tão grande amor. Para isto é preciso aproximar-se Dele pela fé e buscar a fonte do amor eterno, Deus. Ele está a lhe oferecer, por Cristo, todo amor que você precisa. Busque a Deus agora!
Léo Lima

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

LUCRO

"Afinal, o que é a vida? A vida para mim é Cristo, e a morte é lucro" (Filipenses 1.21 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

Vida e Morte. "Alguém disse que a diferença entre o crente e o incrédulo é esta: o crente não tem medo da morte, mas tem medo do pecado, enquanto o último não tem medo do pecado, mas tem medo da morte." Já Thomas à Kempis disse: "Procura viver agora de tal maneira que na hora da morte tenhas mais motivo de alegria que de temor." Assim é para aquele que crê realmente em Deus e no poder redentor de Cristo Jesus. "Muitos desejam viver somente porque têm medo de morrer." (Paul E. Holdcraft).

Entretanto, para o apóstolo Paulo a vida é Cristo e a morte é lucro. Sem medo da morte. Isto está claro.

Todos precisamos do dia para cumprir nossos compromissos com a vida e naturalmente precisamos de um espaço de descanço para nos prepararmos para o dia seguinte. O que, na verdade, Paulo dizia era que sendo Cristo a razão do seu viver, morrer para ele seria muito melhor, pois iria se encontrar com o Senhor a quem amava. Em qualquer das duas situações Paulo estaria feliz pois Jesus Cristo era somente o que importava em sua vida.

Eu desejo chegar neste estágio da vida cristã. Quando a morte é somente lucro. A morte é encarada com repúdio, mas isto deve ser diferente para os que estão em Cristo.

E você, já pode dizer que seu viver é Cristo e que a morte é lucro? Se ainda não pode, é preciso deixar que Cristo seja seu Senhor e Rei para todo o sempre. Entregue sua vida a Ele e passe a sentir que o morrer é lucro.
Léo Lima

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

OUVIR

"Eu afirmo que quem ouve as minhas palavras e crê naquele que me enviou tem a vida eterna e não será julgado, mas passou da morte para a vida." (João 5.24 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

Já reparou que muitas vezes você é pego conversando com alguém mas não consegue entender o que a pessoa fala, pois na realidade você está diante dela mas não a ouve? Outras vezes você está em um auditório onde assuntos interessantes são tratados, mas você sai dali como se não estivesse estado. Você escuta mas não entende. O escutar conforme dicionário é: 'estar consciente do que está ouvindo' assim como captar a mensagem emitida por outrem. Muitas confusões ocorrem pelos ruídos diversos e, principalmente, a forma como se escuta.

Jesus menciona que não basta ouvir mas é preciso crer na sua mensagem. Acreditar nela. Somente assim a pessoa terá a vida eterna garantida e não mais incorre na condenação, pois a promessa é de que passará da morte para a vida.

O versículo vinte e cinco do texto diz: "Em verdade, em verdade vos digo, vem a hora, e já está aí, em que os mortos ouvirão a voz do Filho de Deus, e os que a ouvirem viverão." Mais uma vez Jesus enfatiza a importância do ouvir. Mesmo para aqueles que estão mortos no pecado e é isso que Jesus dá ênfase no ouvir, no estar atento. É preciso escutar Deus falando e entender a mensagem que Ele enviou e que Jesus Cristo foi o portador, a origem e o êxito dela. A mensagem salvadora!

Jesus dá ênfase de que suas palavras são verdadeiras pois Ele mesmo é a Verdade. Você já ouviu a voz de Jesus? Ele quer que você usufrua da vida eterna. Quer passar da morte para a vida? Para que isso venha a tornar-se realidade é preciso ouvir Suas palavras e crer em Seu poder remidor.
Léo Lima

terça-feira, 8 de novembro de 2011

DIREITOS

"E o testemunho é este: que Deus nos deu a vida eterna; e esta vida está em seu Filho. Quem tem o Filho tem a vida; quem não tem o Filho de Deus não tem a vida." (I João 5.12 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

Você deseja maior amor do que este? E para que tenhamos este amor basta crermos que Jesus é o Cristo, que veio de Deus. Todo aquele que ama a Deus, ama também a Cristo, gerado por Deus. E o mesmo ocorre a quem ama a Cristo ama também a Deus, o Pai. Deus nos amou de tal forma que deu-nos a vida eterna por Jesus Cristo. Que Filho! Este homem, Jesus Cristo, em nenhum momento foi achado em falta diante de Deus e dos homens. Ele sofreu perseguições por pessoas que diziam amar a Deus e seguir os mandamentos do Senhor, mas eram falsos e Jesus os chamou de hipócritas.

Jesus Cristo, em seu ministério nos ensinou a como proceder, a não fazer acepção de pessoas, isto os direitos humanos mencionam e diz que todos os cidadãos, todas as pessoas têm direitos iguais. Jesus falou, viveu e mostrou como deveria ser a nossa maneira de agir uns com os outros. Ele amou e sofreu com os que sofriam. Chorou com os que choravam e ainda hoje ele continua a sofrer ao ver cada um de nós em sofrimento, ou mesmo no pecado, pois Ele está diante de Deus intercedendo pelos seus. Ele praticou de forma precisa o amor ao próximo. Como estamos praticando este amor? É direito de cada um ser amado e amar.

Com o Filho, temos a vida prometida por Deus. Jesus conseguiu vencer todas as investidas do inimigo para que tivéssemos este testemunho como o de João: "E o testemunho é este: que Deus nos deu a vida eterna; e esta vida está em seu Filho."

A vida eterna somente é possível por Ele, Jesus Cristo. "Tão breve é o tempo da nossa peregrinação sobre a terra! Passemo-la na bem-aventurada esperança do repouso que Jesus Cristo promete aos seus." (Basílio). E é justamente sobre esta promessa que refletimos. Repouso com Deus, quer dizer uma vida eterna na presença de Deus e dos seus anjos. Abrace a salvação que ele oferece agora mesmo, assim você terá a vida eterna com Deus Ele dá esse direito a você.
Léo Lima

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

TESTEMUNHO

"Quando essa Vida apareceu, nós a vimos. É por isso que agora falamos dela e anunciamos a vocês a Vida eterna que estava com o Pai e que nos foi revelada." (I João 1.2 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

Essa referência que o apóstolo João faz de Jesus como sendo a Vida é muito linda, pois Jesus mesmo disse: "Eu sou o caminho, a verdade e a vida." Portanto, quando a Vida apareceu, João e outros discípulos a viram. Viram a Jesus. Contemplaram o Remidor!

Ao refletirmos neste dia sobre este assunto, desejamos e acreditamos que Deus vai falar ao seu coração. O que procuramos fazer, de uma forma bem simples, é compartilhar nossa alegria por crermos em Cristo e, através Dele, crermos na vida eterna. Assim como aqueles que participaram da vida, morte e ressurreição de Jesus como João e outros seguidores de Cristo e testemunharam de forma a que nós pudéssemos vir a crer.

Foi através e por causa destes testemunhos que a Palavra de Deus chegou até nós. Para nos mostrar que pelo fato de acreditarmos que Jesus Cristo é o Filho de Deus e que pode nos outorgar a vida eterna, somos felizes. Cremos nestas palavras de João. E é justamente por esta razão que também testemunhamos.

Nossa vida antes e depois de Cristo de certa forma constitue em um antônimo. Podemos ver as duas faces ao olharmos para o nosso passado. Antes de Jesus habitar em nosso ser, havia inquietação e de certa forma, angústia. Depois que Cristo passou a reinar em nós, existe uma paz e tranquilidade quase inexplicáveis. Como é bom pertencer a Cristo. Como é bom desfrutar da vida abundante com ele! Como é bom usufruir a paz infinita, pois Jesus mesmo disse: "Deixo-vos a minha paz, a minha paz vos dou. Não vo-la dou como o mundo a dá." (João 14.27). E podemos afirmar que essa paz é plena, é diferente. É total!

Venha desfrutar dessa paz conosco. Entregue agora mesmo sua vida a Jesus.
Léo Lima

domingo, 6 de novembro de 2011

DE GRAÇA

"Portanto, assim como o pecado dominou e trouxe a morte, assim também a graça de Deus, dominando por meio do seu poder salvador, nos traz a vida eterna, que é nossa por meio de Jesus Cristo, o nosso Senhor." (Romanos 5.21 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

O antônimo mais temido é o da palavra vida. A morte é, portanto, o contrário de vida. Ela é o fato que todos desejam ignorar, esquecer, apagar totalmente do dia-a-dia. Entretanto, ela é fato irrefutável. Ela acontecerá mais cedo ou mais tarde a todas as pessoas.

Para o crente não deve ser assim. O sábio Salomão escreveu em seu livro de Eclesiastes capítulo sete versículo dois o seguinte: "Melhor é ir à casa onde há luto do que ir à casa onde há banquete, porque alí se vê o fim de todos os homens; e os vivos o aplicam ao seu coração." O que gera a pior morte é o pecado e se Jesus se fez pecado por nós logo a morte eterna já não tem poder sobre nossas vidas.

No texto inicial, vemos que foi justamente o pecado que provocou a morte. O pecado apontado pela Bíblia é a desobediência. Esta é uma atitude que desagrada a Deus. Ele é o oposto da graça de Deus. O pecado dominou o ser humano e passou a gerar a morte. Deus, o Pai, que é amor, ofereceu seu poder salvador que é a sua graça e que opera e traz a vida eterna ao que crer e receber dela. Ela nos atinge e penetra em nosso ser por meio da fé em Jesus Cristo.

Como foi decisivo para a humanidade o ato de obediência de Jesus Cristo! Ele suportou o que de pior poderia existir por nós: 'a morte eterna!' Ele foi acusado sem culpa nenhuma. Jesus veio a este mundo por amor. Ele ama tanto a Deus que aceitou vir e sofrer em nosso lugar.

Vida e morte. Duas verdades incontestáveis. Desde que uma pessoa exista sabe-se que ela um dia morre. Mas Jesus venceu a morte e todo aquele que crê Nele terá a vida eterna com Deus. Você acredita neste reinado da graça de Deus por Jesus Cristo? A vida está à sua disposição, basta crer em Jesus e aceitar o seu amor.
Léo Lima

sábado, 5 de novembro de 2011

VIDA ETERNA

"Jesus respondeu: Eu sou o caminho, a verdade e a vida; somente por meio de mim é possível chegar ao Pai." (João 14.6 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

Jesus falou sobre a vida eterna que Ele veio dar a todos que desejassem. Entretanto, no momento em que Ele se despedia dos seus discípulos, eles lhe diziam que não sabiam para onde Jesus estava indo. E era, portanto, impossível eles saberem o caminho.

Como é triste vermos pessoas que ouvem constantemente sobre o amor de Deus, a salvação por seu Filho Jesus, mas teimam em dizer que não entendem. Não sabem como fazer para chegar a Deus. Este fato é muito mais comum do que se possa imaginar.

É necessário que a pessoa creia. Crer em Deus e aceitar a salvação que Jesus Cristo, Filho de Deus, oferece através da Sua morte na cruz do calvário, esta é a condição. A história da crucificação é conhecida por quase toda a humanidade. Ela é um marco na história da humanidade.

Jesus, pois, respondeu aos seus discípulos quando eles indagaram sobre o caminho para o céu: "Jesus respondeu: Eu sou o caminho." Veja você, é preciso antes, sentir o amor de Deus através de Jesus. É preciso conhecer de perto o Salvador e fazer de Dele o caminho para se chegar ao céu. É preciso acreditar nas palavras e atos que Jesus praticou. Crer é um ato de fé. Podemos constatar que é muito simples para alguém iniciar a viagem celeste. Basta crer que Jesus é o Salvador e o caminho para o céu.

Você já conhece o caminho para Deus? Então você sentiu que basta crer e deixar que Cristo mostre como você deve viver a vida e como fazer esta maravilhosa viagem celeste.
Léo Lima

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

VEJA

Hoje lembrei-me de postar mais uma das poesias que escrevi na década de 1970, e é parte do livro 'Vê'. Ela desperta em mim a saudade do momento em que ela nasceu. São recordações boas de sentir. Mesmo que em forma de saudade. O dia vislumbra ser radiante e Deus deseja nos abençoar mesmo que em meio a sensações diversas em nós. Que Ele fale ao seu coração e você consiga VER!!!

VEJA
A humanidade cansada
Vai em busca,
Que custa...
Segue, e sozinha não consegue
Ter paz no coração.
Desatinada, em aflição
Procura por outros meios
Sem receio
No lugar errado!
Então vai se extravasar
Em drogas,
Vícios variados...
E tudo joga
Às vezes a própria vida...
É o suicídio.
Mas se ela parar,
Atinar, pensar e perceber
Verá que Cristo somente
Muito amor
Constantemente quer dar.
Veja Cristo!
Veja isto:
Ele morreu na cruz!
Veja com o coração...
Veja mesmo em meio da aflição!
Veja com os olhos da alma...
Sim, se você conseguir
Vê-Lo, terá a paz!
Terá calma.
Voltará a sorrir!
Veja Cristo que dá a paz e, satisfaz!...
Léo Lima

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

CRÊ SOMENTE

"Então Jesus afirmou: Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que morra, viverá; e quem vive e crê em mim nunca morrerá. Você crê nisso?" (João 11.25 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

Como é bom recordarmo-nos de mais esta promessa de Jesus! "Aquele que crê em mim, ainda que esteja morto viverá." Esta promessa é muito clara. É específica. Basta crer em Cristo para se ter a vida eterna. Vida além da morte. O que Jesus quer dizer com estar morto? Cremos que é morto nos pecados e a partir do momento que estes pecados são resgatados por Jesus a vida se instaura para sempre na pessoa. Se formos ler tudo sobre a ressurreição de Lázaro, o amigo de Jesus, que é a primeira parte deste capítulo de João, veremos que Jesus não só fez o milagre da ressurreição nele, mas nos ensinou que para termos a vida eterna é preciso ouvir e seguir a Jesus. Ir ao encontro de Jesus, acima de tudo, é crer que ele, Jesus Cristo, é a ressurreição e a vida como Ele mesmo falou. Jesus promete e cumpre.

É possível afirmar a partir do que sentimos quando entregamos nossa vida a Jesus que Ele nos salva. O que passamos a viver é algo muito difícil de ser explicado com palavras. Transcende a tudo que possamos falar. Logo que ocorre a nossa entrega a Jesus, toda ansiedade, angustia, tristeza, perturbação que sentimos se transforma em bonança, em paz, em tranquilidade, pois Jesus toma todos estes sentimentos e nos ajuda. A nossa vida passa a ser outra. O peso do pecado foi retirado e o vazio antes existente é preenchido por Jesus. Passamos a crer na vida eterna. Vida eterna com Deus. A morte física não nos atemoriza.

E você, já crê que Jesus é a ressurreição e a vida? Crê que Ele pode lhe dar a vida eterna? Releia o texto acima. São palavras de Jesus É simples. Crê somente.
Léo Lima