COMUNIQUE

Seja Bem vindo! Nossa meta é anunciar Boas Novas! Léo Lima
Precisamos decidir em como ser valiosos, em vez de pensar o quão valiosos somos. Filosofia chinesa

Aflições vindas das Mãos Soberana São bênçãos disfarçadas! (Adam Clarke)

domingo, 31 de janeiro de 2016

PARA GLÓRIA DE DEUS



Quem é que grita de dor? Para quem são as tristezas? Quem é que vive brigando e se queixando? Quem é que tem os olhos vermelhos e ferimentos que podiam ter sido evitados? É aquele que bebe demais e anda procurando bebidas misturadas. Não fique olhando para o vinho que brilha no copo, com a sua cor vermelha, e desce suavemente. Pois no fim ele morde como uma cobra venenosa. Você verá coisas esquisitas e falará tolices. Você se sentirá como se estivesse no meio do mar, enjoado, balançando no alto do mastro de um navio. Então você dirá: “Alguém deve ter batido em mim; acho que levei uma surra, mas não lembro. Por que não consigo levantar? Preciso de mais um gole”.” (Provérbios 23.29-35).
O texto mostra que muitas dificuldades poderiam ser impedidas se as pessoas conseguissem evitar seguir suas vontades e fazer o melhor para si mesmas. A referência é sobre as consequências da bebida sobre o corpo.
'Ai dos que se levantam cedo para correrem atrás da bebida forte e continuam até a noite, até que o vinho os esquente' (Isaías 5.11). A Bíblia mostra que, desde a antiguidade, o vinho era uma bebida usada às refeições. Jesus proveu vinho para uma festa de casamento, e o apóstolo Paulo aconselhou ao jovem Timóteo a usar 'de um pouco de vinho por causa do teu estômago e dos teus frequentes casos de doença' – (I Timóteo 5.23). Naquele contexto o uso medicinal do vinho era uma coisa comum.
Mas quando o comparamos com o mundo em que vivemos e o avanço da ciência em que muitos medicamentos, que não causam dependência química, foram criados, é possível afirmar que a nossa realidade é outra.
O Senhor deseja adoradores que o adorem em espírito e em verdade. ‘Portanto, quer comais quer bebais, ou façais, qualquer outra coisa, fazei tudo para glória de Deus’. (1 Coríntios 10.31). É, justamente este fazer 'tudo' para a glória de Deus que o cristão precisa praticar de forma sóbria. Um dos principais fatores para se glorificar a Deus é ter um coração agradecido, em todos os momentos e em todas as situações. Só assim ele pode glorificar a Deus em todas as circunstâncias.
Léo Lima

sábado, 30 de janeiro de 2016

FIDELIDADE NO SENHOR



Meu filho, preste bem atenção no que eu digo e siga o exemplo da minha vida. As prostitutas e as mulheres imorais são uma armadilha perigosa e sem saída. Como um ladrão, elas esperam pelas suas vítimas e tornam muitos homens infiéis”. (Provérbios 23.26-28).
Esta porção da Palavra de Deus é um convite para que a pessoa fuja das tentações que ela está exposta. Esta tentação pode provocar desavenças em uma família. A infidelidade é uma atitude que tantas vezes ronda as pessoas.
Entretanto ser infiel não é definido somente por uma ação extraconjugal. O dicionário define desta forma esta ação: falta de respeito, de fidelidade àquilo com que se deveria estar comprometido; manutenção de ligações amorosas com outra pessoa diferente daquela com quem se está comprometido; falta de exatidão; falta de memória e falta de observância da fé jurada ou devida.
Jesus em uma parábola ensinou sobre a fidelidade: ‘– “Muito bem, empregado bom e fiel”, disse o patrão. “Você foi fiel negociando com pouco dinheiro, e por isso vou pôr você para negociar com muito. Venha festejar comigo!”’ (Mateus 25.23). Se deixarmos que a corrupção faça parte das nossas atitudes não desfrutaremos o prazer de estarmos na presença do Senhor como ‘servo bom e fiel’.
Léo Lima

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

ALEGRANDO HOJE ALGUÉM



Escute o seu pai, pois você lhe deve a vida; e não despreze a sua mãe quando ela envelhecer. Compre a verdade, a sabedoria, a instrução e o bom senso, mas não venda nenhum deles. O pai que tem um filho correto e sábio ficará muito feliz e se orgulhará dele. Faça que o seu pai se alegre por causa de você; dê à sua mãe esse prazer”. (Provérbios 23.22-25).
Dar alegria a alguém nem sempre é muito fácil. Quando aceitamos Jesus Cristo como salvador sentimos algo indescritível uma alegria profunda e uma paz inexplicável. Para tanto basta recordar o salmista que disse: ‘Dá-me novamente a alegria da tua salvação e conserva em mim o desejo de ser obediente’. (Salmo 51.12).
O pensador disse que é preciso ter a verdade, a sabedoria, a instrução e o bom senso, mesmo que seja muito difícil. Mas, logo ele afirma que não se deve vender nenhuma destas qualidades. Quando alguém as adquire o maior bem que ela pode fazer é compartilhar.  
O apóstolo Paulo recomenda: ‘Por último, meus irmãos, encham a mente de vocês com tudo o que é bom e merece elogios, isto é, tudo o que é verdadeiro, digno, correto, puro, agradável e decente. Ponham em prática o que vocês receberam e aprenderam de mim, tanto com as minhas palavras como com as minhas ações. E o Deus que nos dá a paz estará com vocês’. (Filipenses 4.8-9). Fazendo assim estaremos dando alegria ao Senhor.
Léo Lima

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

OPORTUNIDADE ÚNICA



Escute, meu filho. Seja sábio e pense seriamente na sua maneira de viver. Não ande com gente que bebe demais, nem com quem come demais. Porque tanto os beberrões como os comilões vivem com sono e acabam na pobreza, vestindo trapos”. (Provérbios 23.19-21).
Um conselho pode ser muito bom ou mesmo irritar quem o recebe. No texto está claro que para ser sábio deve-se pensar com seriedade na forma que se vive.
Jesus disse: ‘Quem ouve esses meus ensinamentos e vive de acordo com eles é como um homem sábio que construiu a sua casa na rocha. Caiu a chuva, vieram as enchentes, e o vento soprou com força contra aquela casa. Porém ela não caiu porque havia sido construída na rocha. – Quem ouve esses meus ensinamentos e não vive de acordo com eles é como um homem sem juízo que construiu a sua casa na areia. Caiu a chuva, vieram as enchentes, e o vento soprou com força contra aquela casa. Ela caiu e ficou totalmente destruída’. (Mateus 7.24-27).
Estas palavras de Jesus nos mostram que ouvir uma mensagem que alguém transmite é um ato de sabedoria, mas maior sabedoria é refletir sobre o que se ouve. ‘Seja sábio e pense seriamente na sua maneira de viver’. Viver bem muitas vezes é difícil, pois o bem viver é resultado das escolhas que fazemos. Assim como, escolher seguir os ensinamentos de Jesus resulta em viver ainda melhor.
Jesus oferece mais uma oportunidade para que você escolha: ‘Quem ouve esses meus ensinamentos e vive de acordo com eles é como um homem sábio que construiu a sua casa na rocha’. Ele está prometendo a vida firmada nele, este é o tempo certo.
Léo Lima

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

PALAVRAS SÁBIAS



Meu filho, se você se tornar sábio, eu ficarei muito feliz. Eu me sentirei orgulhoso quando ouvir você falar com sabedoria. Não tenha inveja dos pecadores. Procure respeitar e obedecer a Deus todos os dias da sua vida. Assim, o seu futuro será brilhante, e você não perderá a esperança”. (Provérbios 23.15-18).
A sabedoria se adquire. Tanto que o texto diz que ‘se você se tornar sábio’. Tiago disse que: ‘Mas, se alguém tem falta de sabedoria, peça a Deus, e ele a dará porque é generoso e dá com bondade a todos. Porém peçam com fé e não duvidem de modo nenhum, pois quem duvida é como as ondas do mar, que o vento leva de um lado para o outro. Quem é assim não pense que vai receber alguma coisa do Senhor, pois não tem firmeza e nunca sabe o que deve fazer’. (Tiago 1.5-8).
Deus deseja que a sabedoria faça morada em todas as pessoas, pois com ela os relacionamentos serão mais harmoniosos e a vida se tornará mais fácil de ser vivida. Uma das atitudes que o sábio demonstra é o respeito a Deus e o respeito com todas as pessoas que se convive.
Tiago menciona ainda outra atitude do sábio: ‘Lembrem disto, meus queridos irmãos: cada um esteja pronto para ouvir, mas demore para falar e ficar com raiva. Porque a raiva humana não produz o que Deus aprova’. (vv. 19,20). Saber ouvir e falar são atitudes que demonstram sabedoria. Portanto, que as palavras da minha boca sejam em adoração a Deus.
Léo Lima