COMUNIQUE

Seja Bem vindo! Nossa meta é anunciar Boas Novas! Léo Lima
Precisamos decidir em como ser valiosos, em vez de pensar o quão valiosos somos. Filosofia chinesa

Aflições vindas das Mãos Soberana São bênçãos disfarçadas! (Adam Clarke)

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

QUANDO ADORAR

Eu sempre darei graças a Deus, o Senhor; o seu louvor estará nos meus lábios o dia inteiro. Eu o louvarei por causa das coisas que ele tem feito; os que são perseguidos ouvirão isso e se alegrarão. Anunciem comigo a sua grandeza; louvemos juntos o Senhor”. (Salmo 34.1-3).
Se eu me fizesse a seguinte pergunta: - quando devo louvar e adorar ao Senhor? Talvez eu respondesse: - quando estou orando. Errado. Devo louvar e adorar ao Senhor a cada respiração que entra em meu corpo. Cada pulsação deve me lembrar de que é o Senhor quem faz tudo em mim e por mim, se eu assim o permitir.
Davi após procurar salvar sua vida de um dos seus inimigos ele compôs este salmo. ‘Eu o louvarei por causa das coisas que ele tem feito’, e mais ‘Anunciem comigo a sua grandeza; louvemos juntos o Senhor’. Cada momento devemos ter o Senhor na nossa mente e se isto acontecer estaremos em constante louvor e adoração.
Esta porção da Palavra de Deus nos motiva a que adoremos ao Senhor e nos prostremos diante do Rei dos reis. ‘Naquele dia, todos cantarão esta canção: - Louvem o Senhor! Gritem pedindo a ajuda de Deus! Digam a todos os povos o que ele tem feito e anunciem a sua grandeza. Cantem hinos de louvor ao Senhor, pois ele fez coisas maravilhosas. Que o mundo inteiro saiba disso’. (Isaías 12.4-5). Tal como Davi, devemos adorar e anunciar os grandes feitos do Senhor!

Léo Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário