COMUNIQUE

Seja Bem vindo! Nossa meta é anunciar Boas Novas! Léo Lima
Precisamos decidir em como ser valiosos, em vez de pensar o quão valiosos somos. Filosofia chinesa

Aflições vindas das Mãos Soberana São bênçãos disfarçadas! (Adam Clarke)

terça-feira, 27 de dezembro de 2016

MISERICÓRDIA COMPARTILHADA

Por causa do teu amor, ó Deus, tem misericórdia de mim. Por causa da tua grande compaixão apaga os meus pecados. Purifica-me de todas as minhas maldades e lava-me do meu pecado”. (Salmo 1-2).
Nós pedimos. A cada necessidade que temos vamos até o Senhor e pedimos. João mostra aos cristãos que quem ama a Deus se preocupa com aqueles que têm falta de alguma coisa. ‘Se alguém é rico e vê o seu irmão passando necessidade, mas fecha o seu coração para essa pessoa, como pode afirmar que, de fato, ama a Deus’? (I João 3.17).  Repartir as coisas foi a principal atitude dos novos irmãos após Jesus voltar para os céus.
Paulo recomendou que é preciso afastar o egoísmo de nosso interior. ‘Pelo contrário, sejam bons e atenciosos uns para com os outros. E perdoem uns aos outros, assim como Deus, por meio de Cristo, perdoou vocês’. (Efésios 4.32). Então é preciso prestar atenção para com aqueles que vemos e fazer nosso melhor por eles.
Para vivermos a misericórdia divina na sua totalidade precisamos amar a todos. ‘Finalmente, que todos vocês tenham o mesmo modo de pensar e de sentir. Amem uns aos outros e sejam educados e humildes uns com os outros. Não paguem mal com mal, nem ofensa com ofensa. Pelo contrário, paguem a ofensa com uma bênção porque, quando Deus os chamou, ele prometeu dar uma bênção a vocês’. (I Pedro 3.8-9).

Léo Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário