COMUNIQUE

Seja Bem vindo! Nossa meta é anunciar Boas Novas! Léo Lima
Precisamos decidir em como ser valiosos, em vez de pensar o quão valiosos somos. Filosofia chinesa

Aflições vindas das Mãos Soberana São bênçãos disfarçadas! (Adam Clarke)

segunda-feira, 10 de outubro de 2016

COMPARTILHANDO

Quem não gosta de estar na companhia dos outros só está interessado em si mesmo e rejeita todos os bons conselhos. O tolo não se interessa em aprender, mas só em dar as suas opiniões”. (Provérbios 18.1-2).
Não é bom que o ser humano esteja só’. Deus quando da criação disse estas palavras. (Gênesis 2.18). O texto mostra que não devemos ser uma ilha. Sozinhos e fechados em nós mesmos. O livro de Provérbios diz: ‘Não havendo sábios conselhos, o povo cai, mas na multidão de conselhos há segurança’. (Provérbios 11.14).
É notório que a pessoa que vive sozinha só ouve a si mesma. Ouve somente os seus pensamentos. Outro dito diz também: ‘vivendo e aprendendo’. Desejar aprender é uma atitude sábia. É claro que quando procuramos ouvir a Deus é muito bom estarmos a sós.
Entretanto, vemos que aquela pessoa que procura ouvir a Deus irá desfrutar de bênçãos que vão se acumulando e que não se poderá contar. Uma das maiores bênçãos é a certeza de ouvirmos a voz de Deus a nos dar a paz, a nos falar, corrigir, orientar, a demonstrar seu amor e seu cuidado para conosco. Que saibamos separar momentos a sós no mundo agitado que vivemos. Mas que também saibamos compartilhar estes momentos com aqueles que nos cercam.
Léo Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário