COMUNIQUE

Seja Bem vindo! Nossa meta é anunciar Boas Novas! Léo Lima
Precisamos decidir em como ser valiosos, em vez de pensar o quão valiosos somos. Filosofia chinesa

Aflições vindas das Mãos Soberana São bênçãos disfarçadas! (Adam Clarke)

quinta-feira, 1 de setembro de 2016

CONDUTA IDEAL

Como maçãs de ouro em salvas de prata, assim é a palavra dita a seu tempo”. (Provérbios 25.11).
A palavra ética, em nossos dias, está desgastada. A partir do momento que pensamos em ética como comportamento ideal, ela se vê corroída pela grande maioria. Não só na política como naquele que troca seu voto por uma camiseta qualquer.
O texto faz a comparação de objetos preciosos com uma palavra verdadeira. Jesus falou que ‘Seja o seu `sim´, `sim´, e o seu `não´,  `não´; o que passar disso vem do maligno’. (Mateus 5.37). Jesus aconselhou, portanto que a verdade, sempre, fosse dita.
Deus instituiu valores morais e éticos para que todos tenham um viver que agrade à Sua natureza pura e verdadeira.  Da mesma forma como o homem não pode modificar as leis que presidem a natureza, não pode modificar os valores morais, éticos e espirituais que o Senhor estabeleceu.
A palavra dita ao seu tempo pode significar mais que simplesmente, ser verdadeira. Ela pode salvar uma pessoa em um momento de extrema angústia. Determinante é a maneira como falamos, e o que dizemos às outras pessoas. Precisamos mudar nossos hábitos para termos uma comunicação edificante.
O sábio, nesta comparação, também procura mostrar que as palavras têm poder e é exatamente por isso que devemos examinar os nossos hábitos ao falar e evitar palavras duras ou descuidadas.
Cabe a nós decidirmos edificar ou destruir cada pessoa que conhecemos. O fato é que todos precisam mais de quem as encorajem e as edifiquem do que quem as critiquem e as derrubem. Não permita que suas palavras aniquilem as emoções de alguém. Que o Senhor controle seu coração para que seus lábios falem de bênçãos.

Que a nossa palavra seja edificante.

Léo Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário