COMUNIQUE

Seja Bem vindo! Nossa meta é anunciar Boas Novas! Léo Lima
Precisamos decidir em como ser valiosos, em vez de pensar o quão valiosos somos. Filosofia chinesa

Aflições vindas das Mãos Soberana São bênçãos disfarçadas! (Adam Clarke)

domingo, 18 de setembro de 2016

OLHOS QUE CUIDAM

Pois os olhos de Deus observam os caminhos do homem e vigiam todos os seus trilhos”. (Provérbios 5.21).
Muitos não acreditam que um dia estará diante do trono de Deus para prestar contas de tudo. Para nós que cremos no julgamento, sentimos a importância que é nos lembrarmos deste evento extraordinário. Todas as nossas atitudes serão colocadas diante de Deus. Podemos esconder o que fazemos dos homens, mas de Deus, que tudo vê e que sonda os nossos corações, pensamentos e sentimentos, não devemos nem podemos esconder nada. Cada passo, cada gesto, cada pensamento, Ele vê e conhece. Como isto é assustador, mas é real!
Entretanto, temos a necessidade de dizer que é gratificante sabermos que Deus tudo vê. É sublime pensarmos na magnitude do poder de Deus. Ele que opera nas nossas vidas, com onipotência, pois cremos que Ele tem suprema autoridade sobre todas as coisas. Já a onipresença do Senhor é maior do que podemos imaginar, e como a nossa imaginação é limitada, como nós! O Senhor antecipa em nos proteger de males que não distinguimos e nos protege. Nós estamos como que de olhos vendados às ciladas do inimigo, mas Ele vê, Ele mostra, e mais, Ele nos livra!
Deus disse o seguinte a Samuel quando Ele ordenava ungir Davi como rei: ‘Não atentes para a sua aparência, nem para a sua altura, porque o rejeitei, porque o Senhor não vê como o homem vê. O homem vê o exterior, porém o Senhor o coração’. (I Samuel 16.7). 
Deus penetra o mais oculto dos nossos pensamentos e examina atentamente cada ação, cada vontade, cada ansiedade! Mas está atento para proteger sempre que haja necessidade. Deus deseja fazer da sua vida uma grande bênção. Para isso você precisa confiar plenamente no amor de Deus por você e entregar a sua vida a Ele.

Léo Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário